Dia de Campo debate técnica de pastejo rotacionado

DIFERENCIADO

Dia de Campo debate técnica de pastejo rotacionado

Evento acontece em Caçu, município localizado na região sul de Goiás
Por:
221 acessos

Em mais uma edição do Dia de Campo, o Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater), irá promover um debate sobre pastejo rotacionado com BRS Quênia, uma variedade de capim desenvolvida pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). O evento acontece nesta sexta-feira (29), às 8h da manhã, em Caçu, município localizado na região sul de Goiás.

A programação será aberta pela engenheira agrônoma Fernanda Mara Freitas, com uma palestra sobre as possibilidades para a produção leiteira viabilizadas pelo BRS Quênia. Esse híbrido foi criado para suprir uma cultivar produtiva e de boa qualidade, com folhas macias, alto perfilhamento e de fácil manejo.

Em seguida, o também engenheiro agrônomo Sérgio Martins de Oliveira irá tratar de aspectos do sistema de integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) na agricultura familiar. A estratégia de produção em questão integra diferentes sistemas produtivos – agrícolas, pecuários e florestais – dentro de uma mesma área. O objetivo é otimizar o uso da terra de maneira sustentável.

Na sequência, serão apresentados os trabalhos executados na Fazenda Caçu, que irá sediar o encontro. Os participantes farão uma visita guiada pela propriedade para conhecerem de perto os resultados alcançados no local depois da implantação do sistema de pastejo rotacionado, utilizando o capim BRS Quênia.

O passeio pela área, que se tornou Unidade de Referência Tecnológica (UTR), e o detalhamento do acompanhamento técnico realizado serão conduzidos pela médica veterinária Francismar Trevisoli e o engenheiro agrônomo Luiz Antônio Teixeira, ambos da Emater e também coordenadores deste Dia de Campo.

As palestras são abertas para produtores rurais, estudantes e profissionais da área ou interessados. As inscrições serão feitas no dia e local do evento, antes da abertura.

Pastejo Rotacionado

O pastejo rotacionado é um sistema em que a área da pastagem é dividida em piquetes, que são submetidos a intervalos alternados de pastejo e descanso, trazendo melhor aproveitamento da forragem produzida e maior longevidade de capins.

Entre os propósitos dessa técnica estão o fornecimento de alimento de forma constante para os animais e a redução da degradação. Além disso, esse sistema busca conservar a fertilidade do solo.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink