Pelotas vai incluir farinha de arroz no cardápio das escolas municipais

Arroz

Pelotas vai incluir farinha de arroz no cardápio das escolas municipais

Prefeitura de Pelotas oficializará a decisão de incluir a farinha de arroz na produção da merenda escolar nas escolas municipais
Por:
91 acessos

No primeiro dia da Expoarroz deste ano, em 14 de maio, a Prefeitura de Pelotas oficializará a decisão de incluir a farinha de arroz na produção da merenda escolar nas escolas municipais. A medida foi acordada nesta segunda-feira (22), quando a prefeita Paula Mascarenhas assistiu à apresentação do Programa de Valorização do Arroz (Provarroz), feita pelo presidente do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), Guinter Frantz.

Acompanhado pela coordenadora da iniciativa, Camila Pilownic Couto, o representante do Irga explicou que o projeto busca, desde 2015 promover ações que estimulem e conscientizem a população sobre a importância do consumo de arroz e seus coprodutos. A ideia surgiu após uma pesquisa detectar que a ingestão do insumo teve queda de 17% nos últimos 20 anos – passando de 60 quilos, por habitante ao ano, para 49,8 quilos.  

Como o cereal já está inserido no cardápio das escolas, o Município optou por aderir ao programa incentivando o uso da farinha de arroz em suas refeições. No ano passado, cerca de 80 merendeiras da rede municipal foram capacitadas pela iniciativa através de uma palestra para esclarecer dúvidas referentes às propriedades do arroz e seus derivados, e de uma oficina, que demonstrou, na prática, a produção de receitas com a sua farinha.  

O intuito foi apresentar opções de outros alimentos usando o cereal como base da refeição, especialmente para pessoas com intolerância ao glúten.

A prefeita refere-se aos benefícios apontados pela coordenadora do programa que estão associados ao consumo do item, como a ingestão de proteínas, vitaminas e sais minerais e a possibilidade de integrar dietas celíacas (a farinha de arroz é opção para quem tem intolerância ao glúten).

O presidente do Irga manifestou a satisfação em contar com o apoio de Pelotas e afirmou que a decisão incentivará outras cidades do Rio Grande do Sul a fazerem o mesmo. No município, o programa também realizou diversas capacitações com alunos e profissionais da área da saúde, vinculados à instituições de ensino, como Anhanguera e UFPel.  

“Trabalhamos para que o produtor tenha mais renda. Nossas ações incluem desde a procura por impostos menores até instigar o aumento da demanda”, ressaltou Frantz. O presidente também salientou que Camaquã e Capivari do Sul já aderiram à utilização da farinha em suas merendas escolares.  

Provarroz

O Programa é um conjunto de ações apoiadas por instituições como o Irga e Federarroz, que tem o objetivo de aumentar o consumo do cereal, conscientizando sobre os benefícios deste alimento para a saúde da população.  

Os secretários de Educação e Desporto e de Desenvolvimento Rural, Artur Corrêa e Jair Seidel, respectivamente, e o conselheiro do Irga e presidente do Sindicato Rural de Pelotas, Fernando Rechsteiner, também acompanharam a reunião desta segunda-feira. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink