Altas de preços no mercado do boi gordo
CI
Imagem: Pixabay
MERCADO

Altas de preços no mercado do boi gordo

Em São Paulo, as indústrias frigoríficas iniciaram a última quarta-feira (21/10) pagando mais pela arroba do boi gordo
Por:

Em São Paulo, as indústrias frigoríficas iniciaram a última quarta-feira (21/10) pagando mais pela arroba do boi gordo. O pequeno volume de animais ofertados foi o fator que estimulou negócios em até R$270,00/@, preço bruto e à vista no boi padrão China. Para o boi destinado ao mercado interno, negócios em R$266,00/@, também nas mesmas condições, se tornaram referência.

As cotações da vaca e a da novilha gorda para abate também subiram nas praças paulistas e estão, respectivamente, R$3,00/@ e R$4,00/@ maiores na comparação feita dia a dia, sendo apregoadas em R$253,00/@ e R$255,00/@, nesta ordem. Em Paragominas-PA, a oferta restrita de animais para abate refletiu em alta nos preços na comparação diária. A arroba do boi gordo ficou cotada em R$263,00/@, preço bruto e à vista, reajuste diário de R$3,00/@ ou 1,2%. Para as fêmeas a alta foi de 0,8%, ou R$2,00/@, tanto para vaca quanto para novilhas.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink