Tereos inova e lança fórmula pronta para alimentação de bovinos

Agronegócio

Tereos inova e lança fórmula pronta para alimentação de bovinos

Tapigold é uma combinação de derivados de milho e mandioca, com alto valor proteico e custo-benefício competitivo para pequenos e médios produtores
Por:
457 acessos

Ampliando seu portfólio, a Tereos Amido & Adoçantes Brasil deu início nesta quarta-feira à produção do Tapigold, dieta preparada para a nutrição de bovinos. Com uma fórmula altamente palatável, o Tapigold é resultado da mistura de derivados do milho e da mandioca. Para atender a este mercado, a Tereos ampliou a unidade de Palmital, no interior de São Paulo, que passa a ter uma fábrica exclusiva para a produção da dieta para bovinos.
 
O Tapigold foi desenvolvido a partir da consultoria de nutricionistas e zootecnistas especializados em ruminantes. Para chegar à composição final, o produto foi testado em campo com um rebanho de cem cabeças de gado e propiciou um ganho de peso de 1,6 kg por dia por animal. “Nossa proposta de valor inclui a dieta e todo o serviço de transporte, armazenagem e suporte de profissionais de nutrição”, explica o diretor de Operações da Tereos Amido & Adoçantes Brasil, Rodrigo Fortunatto.
 
Uma dieta para bovinos confinados requer um complexo processo que envolve a mistura de diversos ingredientes, comprados separadamente, e equipamentos específicos para a preparação. Para pequenos e médios produtores, o valor da aquisição dessas matérias-primas em baixos volumes não é competitivo, além do alto custo dos maquinários para se fazer uma mistura adequada e equilibrada nutricionalmente. “Com alto valor proteico, o Tapigold é um excelente custo-benefício para pequenos e médios produtores”, ressalta o executivo.
 
Diversificação na Tereos Amido & Adoçantes Brasil

O lançamento desse novo rótulo amplia e consolida a posição da Tereos no setor de nutrição animal. A empresa fornece amidos nativos e modificados, além de xaropes, para a indústria de alimentos (panificação, tapioca, doces, balas, sorvetes), cervejas e bebidas não alcoólicas, construção civil, farmacêuticas, papel e papelão ondulado. No segmento de nutrição animal, conta com soluções destinadas ao mercado de pet food e ao de animais de produção, em culturas como a do gado de leite e de corte, aves e equinos.

A Tereos Amido & Adoçantes Brasil trabalha com as duas principais fontes de amido consumidas no País, mandioca e milho, sendo o único fabricante que investiu em plantio próprio de mandioca. O Grupo é o maior produtor dessa cultura no Brasil em área própria, com um total de 5 mil hectares, e capacidade de processamento de 100 mil toneladas, e é pioneiro na colheita mecanizada da mandioca.
 
“Investimos na compra de equipamentos de alta tecnologia, no manejo e tratos culturais para permitir a expansão da capacidade de moagem de milho e mandioca”, diz Jacyr Costa Filho, diretor da Região Brasil do Grupo Tereos. “O intuito é aumentar a diversificação do portfólio, com mais produtos de maior valor agregado voltados para a indústria alimentícia e a ampliação do mercado de nutrição animal.” Nutrição animal representa 5% do faturamento global da empresa.
 
Além do aumento de produção local, a Tereos Amido começa a distribuir produtos importados derivados do trigo, especialmente a proteína do trigo. “A Tereos é um importante competidor neste segmento, com 20% do share global da proteína de trigo”, complementa Costa Filho.
 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink