Contratos futuros do açúcar desvalorizam em Nova York e Londres

Açúcar

Contratos futuros do açúcar desvalorizam em Nova York e Londres

Na sexta-feira (10) houve desvalorização do açúcar nas bolsas de Nova York e Londres
Por:
49 acessos

Na sexta-feira (10) houve desvalorização do açúcar nas bolsas de Nova York e Londres. Na bolsa americana, o lote para julho/19 fechou em 11.72 centavos de dólar por libra-peso, recuo de 6 pontos. Na tela outubro/19 os contratos foram firmados em 12.07 centavos de dólar por libra-peso, queda de 5 pontos. Os demais vencimentos caíram entre 1 e 3 pontos.

O diretor da Archer Consulting, Arnaldo Luiz Correa, analisa o cenário atual da commodity. "Em seis meses de mercado, mais precisamente de novembro/2018 até abril/2019, a média do fechamento diário do contrato futuro de açúcar com vencimento mais curto em NY variou apenas 200 pontos, tendo alcançado a máxima diária de 13.54 centavos de dólar por libra-peso e a mínima de 11.55 centavos de dólar por libra-peso."

Com base nesta análise, Correa traçou uma projeção para os próximos meses "Se olharmos apenas a média do fechamento dos meses citados, começamos com 12.82 centavos de dólar por libra-peso no novembro/18, 12.57 no dezembro, 12.67 no janeiro, 12.93 no fevereiro, 12.47 no março e 12.54 no abril. Embora a amostragem seja pequena, podemos dizer que no ritmo atual, com 95% de certeza, a média dos fechamentos do mês presente ficaria no máximo a 35 pontos distante da média do mês anterior, para cima ou para baixo. Ou seja, o maio de 19 fecharia com a média entre 12.19 a 12.89 centavos de dólar por libra-peso", finaliza.

Em Londres os contratos para agosto/19 foram comercializados em US$ 323,60 a tonelada, queda de 1,10 dólar. O vencimento para outubro/19 fechou em US$ 327,90 a tonelada, recuo de 1 dólar. Os outros contratos futuros desvalorizaram entre 70 cents e 1 dólar. 

São Paulo

Na sexta-feira, o indicador diário Cepea/Esalq para açúcar cristal fechou em R$ 70,46/sc de 50 kg, valorização de 0,27% no comparativo com a véspera.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink