TELDRIN - JOFADEL INDÚSTRIA FARMACÊUTICA S/A

TELDRIN

JOFADEL INDÚSTRIA FARMACÊUTICA S/A

 
Fórmula:
Oxitetraciclina (cloridrato) .................................................................. 20 g
Veículo q.s.p. ................................................................................ 100 mL
 
Indicações:
Bovinos, ovinos e caprinos: tratamento da anaplasmose (Anaplasma marginali), pneumonias (Mycoplasma spp., Haemophilus spp. e Pasteurella spp.), leptospirose (Leptospira spp.), difteria (Corynebacterium difteriae) mastites sistêmicas (Enterobacter aerogenes, Corynebacterium pyogenes, Escherichia coli, Mycoplasma spp., P. hemolytica, Staphylococcus aureus, Streptococcus agalactiae, S. dysgalactiae, S. uberis), carbúnculo sintomático (Clostridium chauvoei), enterites bacterianas (Salmonella spp.), actinobacilose (Actinobacillus lignieresii), artrite infecciosa, feridas infecciosas (Staphylococcus spp.), pericardite infecciosa, dermatofilose (Dermatophilus congolensis) e querato-conjuntivite (Moraxella bovis).
Auxiliar no controle da brucelose (Brucella bovis) e podridão do casco (Fusobacterium necrophorum).
Suínos: tratamento da pneumonia enzoótica (Mycoplasma hyopneumoniae), lepstopirose (Leptospira spp.), erisipelas (Erysipelothrix rhusiopathiae), mastites sistêmicas (Enterobacter aerogenes, Corynebacterium pyogenes, Escherichia coli, Mycoplasma spp., P. hemolytica, Staphylococcus aureus, Streptococcus agalactiae, S. dysgalactiae, S. uberis), enterites bacterianas (Micrococcus pyogenes), artrite infecciosa (Haemophilus parasuis) e feridas infecciosas (Staphylococcus spp.).
Auxiliar no controle da pasteurelose (Pasteurella hemolytica), síndrome do M.M.A. (mastite, metrites, agalactya) (Escherichia coli e Streptococcus spp.) em porcas, diarréia em leitões (Clostridium perfringens B, C, D) e brucelose (Brucella suis).
 
Dosagem:
Geralmente dose única de 1 mL / 10 kg de peso é o suficiente para o tratamento.
Nos casos de infecções graves, e à critério do Médico Veterinário, pode ser aplicada uma segunda dose 3 a 5 dias após aplicação inicial.
Bovinos: 1 mL para cada 10 Kg de peso, por via intramuscular profunda (coxa).
Dose máxima por local de aplicação: 10 mL.
Leitões (com até 10 Kg de peso): 1 mL por via subcutânea, num mesmo local.
Suínos (com mais de 10 Kg de peso): 1 mL para cada 10 Kg de peso, por via intramuscular profunda.
Suínos (com mais de 100 Kg de peso): dividir a dose em 2 locais de aplicação.
Ovinos e caprinos: 1 mL para cada 10 Kg de peso, por via intramuscular profunda. Dose máxima por local de aplicação: 5 mL.
 
Administração:
Injetável, por via intramuscular profunda, ou por via subcutânea.
 
Precauções:
EFEITOS COLATERAIS
Não administrar em animais com histórico de hipersensibilidade às tetraciclinas e com alterações hepáticas.

PERÍODO DE CARÊNCIA E RESTRIÇÕES DE USO
Carne : 30 dias após a última aplicação.
Não administrar em fêmeas leiteiras lactantes.
Não administrar em eqüídeos, cães e gatos.
 
Embalagem:
Frasco-ampola de vidro âmbar contendo 20, 50 e 100 mL
Caixa com 25 frascos-ampola de vidro âmbar contendo 50 mL
 
Classe Terapêutica:
ANTIMICROBIANOS GERAIS; ANTIFÚNGICOS E ANTIPROTOZOÁRIOS (COCCIDIOS, FLAGELADOS)
 
Ingrediente(s) Ativo(s):
OXITETRACICLINA
 
Registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento:
5.650 em 02/10/96
 
Responsável Técnico:
Dra. Brígida Junqueira Ferreira - CRMV: CRF-MG nº 14770
 
Serviço de Atendimento ao Consumidor:
0800 703 1503

"Declaramos para os devidos fins que todas as informações prestadas aqui são de inteira e exclusiva responsabilidade do proprietário do produto"