Bancos oferecem condições de financiamento especiais na Bahia Farm Show

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia os Termos de Uso e a Termos de Privacidade.


CI
Financiamento

Bancos oferecem condições de financiamento especiais na Bahia Farm Show

Sete agentes financeiros vão oferecer linhas de crédito especiais para o produtor
Por:

Sete grandes empresas financeiras devem estar presentes na Bahia Farm Show 2019. Os bancos Santander, Bradesco, Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Desenbahia, Banco do Brasil e Sicredi estão com expectativa de bons negócios na feira, trazendo linhas de crédito específicas para o setor. O BNDES participa pela primeira vez do evento, que na edição de 2018 atingiu a marca histórica de R$ 1,891 bilhão em volume de negócios.

Visando o produtor rural estarão disponíveis linhas de crédito para financiamento de máquinas, implementos, energia solar, armazenamento, correção de solo, aquisição de animais a projetos de irrigação e consórcios de veículos. As taxas de juros devem ser especiais e com condições elásticas de parcelamento. Profissionais também vão auxiliar os produtores a analisar os riscos e na tomada de decisão sobre qual produto mais se adequa ao perfil de cada um. 

“Teremos as linhas de financiamento de longo e curto prazo, como o CDC Agro, que financia máquinas, equipamentos e implementos, e o Crédito Pessoal Agro (CP Agro), linhas para projetos fotovoltaicos, para armazenagem e estocagem, Consórcio Agro e Seguros. Todos os produtos são adequados à capacidade de pagamento do produtor, ou seja, quitação semestral ou anual de acordo com a colheita. Haverá também a isenção da comissão (flat 0%), taxa de mercado que incide sobre o valor total da compra, condição especial que concede em eventos agropecuários desde 2016. Para esse tipo de financiamento de máquinas e equipamentos, o prazo é de 5 a 10 anos, com 20% de entrada e o próprio bem em garantia”, destaca Paulo Bertolane, superintendente executivo de Agronegócios do Santander Brasil.
 
Para o presidente da Desenbahia, Francisco Miranda, a Bahia Farm Show se constitui em uma grande vitrine nacional da inovação do agronegócio, e, por acreditar no evento, a Agência marcou presença em todas as suas edições. “A Desenbahia está preparando uma proposta especial com as melhores condições de crédito para a Bahia Farm com ênfase em financiamentos de projetos de irrigação, armazenagem e correção de solo; de máquinas e equipamentos; energia fotovoltaica e Inovação. Com prazos estendidos às melhores taxas efetivas e financiamentos de 90% sem taxa flat. Nossa meta é superar o recorde de negócios realizado em anos anteriores, atingindo um número cada vez maior de empresários do agronegócio, além do comércio, serviços e indústria”, comenta, otimista.
 
Com linhas de crédito para custeio agrícola e pecuário, investimento em produção, armazenamento, industrialização e recuperação de solo, entre outras, o Sicredi desembarca pelo quarto ano na Bahia Farm. E, tanto para o gerente da agência de Luís Eduardo Magalhães – cidade sede do evento –  Giego Scholz, quanto para o gerente regional de desenvolvimento, Rodrigo Gonçalves, a aposta é alta no retorno esperado durante os cindo dias. “Nossa expectativa é de efetivação de mais de R$ 50 milhões em negócios, as condições de pagamento ainda estão condicionadas à divulgação do Plano Safra 2019/2020 e serão definidas conforme cada linha de crédito”, revelam.
 
O Bradesco informou que a expectativa é superar em 20% os números do ano de 2018, com foco na ampliação da participação de mercado e com expectativas para o setor, almejando também registrar um número recorde em captação de negócios. A oportunidade de contato aberto com quem o banco se dedica a atender, que a Bahia Farm Show proporciona é outro foco. De acordo com o informado, o Bradesco possui a maior atuação no setor agrícola entre os bancos privados, com aproximadamente R$ 23 bilhões em contratos vigentes.

Os produtores rurais também terão acesso às oportunidades de crédito oferecidas pelas demais instituições financeiras presentes no evento, que vão focar as suas linhas de financiamento, principalmente, nos segmentos de máquinas e implementos agrícolas para pequenos, médios e grandes.  “Nossa orientação é que os agricultores esperem o período da feira para financiar máquinas e demais produtos porque, lá, além de um atendimento personalizado, eles contarão com as novidades e facilidades em negociações que os bancos presentes oferecerão. É uma excelente oportunidade de barganhar boas condições de pagamento, taxas de juros menores e mais flexíveis e, assim consolidar melhores negócios”, orienta a coordenadora geral da Bahia Farm Show, Rosi Cerrato.

A Bahia Farm Show acontece de 28 de maio a 1° de junho, em Luis Eduardo Magalhães/BA.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink