Brasil precisa atender demanda local de químicos
CI
Imagem: Marcel Oliveira
DEFENSIVOS

Brasil precisa atender demanda local de químicos

O volume das importações está muito acima do que cresceu a demanda no período dos últimos 30 anos
Por: -Leonardo Gottems

A diretora de Economia e Estatística da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim), Fátima Giovanna Coviello Ferreira, afirmou que o Brasil precisa atender a demanda local de produtos químicos. Estamos em um momento internacional tão delicado, não só em relação à pandemia, mas também por conta das restrições que estão sendo impostas à Rússia, cabe uma reflexão sobre o risco da dependência e a vulnerabilidade em cadeias estratégicas e relacionadas à segurança alimentar e de saúde.

“O país precisa aproveitar esse momento e pensar em como crescer de forma sustentada, especialmente nos segmentos em que há vocação natural e vantagens comparativas. A Abiquim vem registrando essa questão há alguns anos. Cabe, uma vez mais, salientar a essencialidade e a relevância e importância estratégica da indústria química para o Brasil e a necessidade de se expandir a capacidade produtiva de forma que se possa atender ao crescimento da demanda local, criando empregos e gerando riqueza para a sociedade brasileira. A indústria química é hoje a terceira maior em termos de PIB industrial, mas é a primeira em arrecadação de tributos federais, com mais de R$ 40 bilhões nos últimos 12 meses encerrados em janeiro de 2022, o que não pode ser desprezado”, finaliza.

O problema é que o volume das importações está muito acima do que cresceu a demanda no período dos últimos 30 anos, em razão da falta de competitividade e da consequente descontinuidade operacional de diversas linhas de produção. “Ainda assim, nos últimos 12 meses, as importações totais de produtos químicos chegaram a US$ 65,82 bilhões, enquanto as exportações ficaram em US$ 15,78 bilhões, o que resultou em um déficit na balança comercial do total de produtos químicos recorde de US$ 50,04 bilhões no período”, alerta.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.