Contag e Fetags do Sudeste realizam Seminário Regional em Bauru

Agronegócio

Contag e Fetags do Sudeste realizam Seminário Regional em Bauru

vento reúne dirigentes sindicais de São Paulo, Rio, Minas e Espírito Santo
Por: -Janice
505 acessos

A Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag) juntamente com a Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de São Paulo (Fetaesp) e as respectivas representantes dos Estados de Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro realizam o Seminário Regional Sudeste, no período de 31 de agosto a 04 de setembro, contando com cerca de 300 dirigentes sindicais.

O evento é realizado na cidade de Bauru, no Obeid Plaza Hotel, tendo início às 11 horas do dia 31 de agosto, segunda-feira. A parte da manhã será destinada para credenciamento, enquanto as atividades têm início às 14 horas, com a abertura oficial e autoridades do setor. O término do seminário ocorre às 16 horas do dia 04 de setembro, uma sexta-feira. Diretores, coordenadores, assessores da Contag e Fetags, e dirigentes sindicais de base, bem como representantes de Associações, Cooperativas, ONGs e Universidades formam o corpo participativo do evento.

Abordando o tema Desenvolvimento Rural Sustentável, Solidário e Territorialidade, serão ministradas diversas palestras e oficinas divididas em assuntos específicos referentes às Ações do Movimento Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (MSTTR) da região Sudeste. Na segunda-feira, um panorama do setor será apresentado levantando questões internacionais e nacionais que influenciam os segmentos regionais, tratando das desigualdades sociais, com enfoque nas questões de identidade, como gênero, geração, raça e etnia, no intuito de identificar tendências e desafios para o segmento.

A Territorialidade como estratégia de execução de políticas públicas e ações sindicais é o foco das atividades na terça-feira, contando com a apresentação dos seguintes temas: a identidade de quem trabalha no setor e suas diferentes demandas; a concretização de políticas públicas nas bases, como ações de massa, organização sindical, gestão política, além de táticas de ação territorial e, finalizando o dia, as estratégias Projeto Alternativo de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário (PADRSS) ganham destaque com o levantamento de questões como reforma agrária, meio ambiente, agricultura familiar, políticas sociais e assalariamento rural.

Os dois dias seguintes ficam destinados para as oficinas. Ocorrem várias simultaneamente, contando com no máximo 50 pessoas, onde será aprofundado o debate sobre a temática do evento, a fim de construir propostas unificadoras entre Contag, Federações e Sindicatos, visando o fortalecimento de atuação do Movimento Sindical dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais.

A sexta-feira fica destinada para a socialização dos resultados obtidos com as oficinas, contando com reuniões para os encaminhamentos de questões político operacionais com as regiões envolvidas e seus representantes.

Para o presidente da Fetaesp, Braz Albertini, o evento é uma forma de aprimorar a atuação do MSTTR para o desenvolvimento da agricultura e do trabalho rural no país. “Nossa função é ajudar no progresso do homem do campo, e aperfeiçoar as ações do Movimento Sindical é primordial para que esse processo se concretize”, aponta. As informações são da assessoria de imprensa da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de São Paulo (Fetaesp).

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink