Dia de campo em MS orienta produtores sobre cultivo da banana
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,046 (0,55%)
| Dólar (compra) R$ 5,60 (-0,69%)


Agronegócio

Dia de campo em MS orienta produtores sobre cultivo da banana

O Dia de Campo será realizado nesta quinta-feira, 7 de outubro, em Nioaque/MS
Por:
1589 acessos

Demonstrar na prática como produzir mais e melhor. Este é o objetivo do Dia de Campo sobre bananicultura que será promovido pelo Projeto de Apoio à Produção Sustentável no Território da Reforma, nesta quinta-feira, 7 de outubro, em Nioaque/MS.

O Projeto de Apoio à Produção Sustentável no Território da Reforma tem o objetivo de desenvolver os pequenos negócios rurais, fortalecendo a organização, diversificação e sustentabilidade do agronegócio. Tem como metas aumentar a venda de produtos da agricultura familiar no mercado local, gerar novos postos de trabalho, aumentar a renda dos produtores rurais e diversificar as matrizes econômicas.

A visita técnica, da próxima quinta-feira, deverá reunir cerca de 200 pequenos e médios produtores rurais da região cadastrados no Projeto, que atende 11 municípios com ações que promovem o desenvolvimento da agricultura familiar.

Segundo o coordenador do Projeto, Antônio Minari Júnior, das 17 mil toneladas de banana nanica que chegam até o Ceasa (Centrais de Abastecimento de Mato Grosso do Sul), apenas 308 toneladas são produzidas em Mato Grosso do Sul. “Nosso Estado tem grande potencial de produção, porém, somos importadores de banana. Muitos já plantam, mas sem tecnologia e irrigação. O objetivo é estimular o cultivo da banana como atividade econômica, mostrar que temos potencial para produzir mais e com qualidade”, explica Minari.

Planta tipicamente tropical, a bananeira exige calor constante, chuvas bem distribuídas ao longo do ano e elevada umidade para um bom desenvolvimento e produção. De acordo com o gestor técnico do Senar/MS, Harduin Reichel, durante visita à propriedade, os participantes irão saber mais sobre manejo, técnica e cultivo da fruta e controle de pragas. “A idéia é ensinar na prática como produzir mais e melhor”, ressalta.

Sobre Projeto de Apoio à Produção Sustentável no Território da Reforma

O Projeto de Apoio à Produção Sustentável no Território da Reforma tem o objetivo de desenvolver os pequenos negócios rurais, fortalecendo a organização, diversificação e sustentabilidade do agronegócio. Tem como metas aumentar a venda de produtos da agricultura familiar no mercado local, gerar novos postos de trabalho, aumentar a renda dos produtores rurais e diversificar as matrizes econômicas.

O Território da Reforma é uma iniciativa da Fundação Educacional para o Desenvolvimento Rural (Funar) e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR). Desenvolve ações nos municípios de Anastácio, Bela Vista, Bodoquena, Bonito, Dois Irmãos do Buriti, Guia Lopes da Laguna, Jardim, Maracajú, Nioaque, Sidrolândia e Terenos, municípios do Mato Grosso do Sul.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink