Estudo destaca microbioma como primeira linha de defesa no controle de doenças de plantas
CI
Imagem: Divulgação
AGRICULTURA

Estudo destaca microbioma como primeira linha de defesa no controle de doenças de plantas

o microbioma impacta o desenvolvimento e a saúde do hospedeiro e sua montagem e funcionamento são controlados pelas características genéticas dele
Por:

O livro Rhizosphere biology: interactions between microbes and plants, da Editora Springer, lançado recentemente, tem um capítulo que aborda o microbioma da rizosfera e doenças transmitidas pelo solo, de Josiane Barros Chiaramonte e Lucas Mendes, da Universidade de São Paulo e Rodrigo Mendes, da Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna, SP).

Na planta, o microbioma impacta o desenvolvimento e a saúde do hospedeiro e sua montagem e funcionamento são, até certo ponto, controlados pelas características genéticas dele. O patógeno, como membro do microbioma do solo, também interage e compete com uma comunidade microbiana complexa que se esforça para invadir o microbioma da rizosfera e alcançar o sistema radicular para infectar e causar doenças. 

Os autores analisaram as interações no microbioma da rizosfera no contexto de doenças transmitidas pelo solo, destacando-o como um ator fundamental nos patossistemas caracterizado pela interação entre patógeno e hospedeiro, ou seja, é um subsistema onde ocorre parasitismo, atuando como primeira linha de defesa na rizosfera. Também analisam estratégias para identificar características genéticas de plantas envolvidas no recrutamento de microrganismos benéficos e o potencial de explorá-las nos programas de melhoramento para promover a saúde e a produtividade das plantas.

A visão clássica sobre doenças de plantas representadas por um triângulo onde o hospedeiro, o patógeno e o ambiente interagem entre si resultando em doença é recentemente desafiada por uma visão holística mais complexa, incluindo a presença de comunidades microbianas complexas no patossistema. Os microbiomas da planta e do solo estão intimamente ligados a todos os três fatores causais do "triângulo da doença" clássico o que levou os autores a proporem uma “pirâmide da doença” incluindo o microbioma como o quarto vértice em uma pirâmide de base triangular. O ambiente, especialmente as características do solo, determina a origem dos micróbios recrutados pelas raízes das plantas, que por sua vez afetam diretamente o sucesso de um determinado patógeno em causar doenças. O livro pode ser adquirido aqui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink