Lavouras de café em Três Pontas/MG foram atingidas por chuva de granizo

Agronegócio

Lavouras de café em Três Pontas/MG foram atingidas por chuva de granizo

Os cafeeiros atingidos perderam cerca de 70% do café, com baixa significativa na qualidade do produto, além de danos nos ramos e folhas, o que abre portas para a entrada de doenças
Por: -Janice
451 acessos

A forte chuva de granizo, ocorrida no dia 27 de junho em alguns pontos do Sul de Minas, atingiu uma área de 250 a 300 hectares de lavouras de café nas regiões de Boa Vista dos Campos, Taquaral e Morro Vermelho, no município de Três Pontas, considerado um dos maiores produtores de café do país. A informação foi obtida após levantamento realizado por engenheiros agrônomos da Cooperativa dos Cafeicultores da Zona de Três Pontas (Cocatrel) — associada ao Conselho Nacional do Café (CNC), que foi concluído nesta quarta-feira, dia 1º.

Eles constataram que os cafeeiros atingidos perderam cerca de 70% do café, com baixa significativa na qualidade do produto, além de danos nos ramos e folhas, o que abre portas para a entrada de doenças.

O levantamento apontou que o prejuízo maior ocorreu em lavouras com boa projeção para a próxima safra, as quais tiveram as folhas destruídas, os botões florais atingidos e os ramos machucados pela ação do granizo. Nesses casos, estima-se que, nas áreas afetadas, não haverá produção para a próxima safra. As informações são da Cocatrel (Cooperativa dos Cafeicultores da Zona de Três Pontas).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink