Oeste da BA ganha moderna indústria de milho
CI
Agronegócio

Oeste da BA ganha moderna indústria de milho

A unidade é a primeira de grande porte implantada no estado e a mais moderna do país
Por:

Foi inaugurado na sexta-feira (17), no município de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia, o Complexo Industrial Coringa. A unidade é a primeira de grande porte implantada no estado para processamento de milho e a mais moderna do país.

Instalada numa área de 100 mil metros quadrados, ela tem tecnologia de primeiro mundo, diz o diretor industrial José Luís Pereira Neto. A indústria vai processar 200 mil toneladas de milho/ano, podendo chegar a 300 mil.

O Grupo Coringa, de Alagoas, investiu R$ 50 milhões na unidade. O secretário estadual da Agricultura, Eduardo Salles, afirmou que a Seagri e outras instituições contrataram a Fundação Getúlio Vargas para um estudo sobre as necessidades fiscais do setor.

O presidente do Grupo Coringa, José Alexandre dos Santos, informou que as 200 vagas de empregos diretos gerados pela nova unidade foram ocupadas por pessoas da região. “Toda a mão-de-obra é local".

"Treinamos e capacitamos os funcionários. Só um colaborador veio de fora, que é o gerente da fábrica”. O empresário declarou que há 12 anos compra milho no oeste da Bahia para a fábrica de Alagoas, “para onde vamos continuar levando matéria-prima”.

Para o prefeito de Luís Eduardo Magalhães, Humberto Santa Cruz, a instalação da indústria representa oferta de trabalho, melhoria da qualidade de vida da população e crescimento sustentável da região. “Esperamos que outras empresas sigam este exemplo”.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink