Pecuarista de Santa Luzia (PA) planeja melhorias com o Pronaf

Agronegócio

Pecuarista de Santa Luzia (PA) planeja melhorias com o Pronaf

Bem-sucedido em todas as atividades dentro da propriedade
Por:
496 acessos

Com um projeto de crédito rural elaborado pelo escritório local da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) já tramitando no Banco da Amazônia, um agricultor de Santa Luzia do Pará, município do nordeste paraense, deve receber, até o final deste ano, mais de R$ 80 mil para investir no aperfeiçoamento da criação de gado.

Francisco Rinauro Carneiro, da comunidade Terra Amarela, tem hoje 26 animais nelore – entre matrizes, reprodutor, novilhas e bezerros. Com os recursos da linha Mais Alimentos, do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), gerido pela Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead), ele reformará pasto, construirá cerca e curral e comprará mais 15 matrizes e um reprodutor, todos da mesma raça, com aptidão para corte.

Francisco Carneiro também foi indicado pela Emater para uma parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme), visando à instalação, no futuro, de uma unidade demonstrativa (UD) de piscicultura. A Emater fez um levantamento em outubro sobre a realidade e o potencial da propriedade. Atualmente, há dois tanques - um rede e outro escavado - com despesca programada, de dois em dois anos, de cerca de sete toneladas de curimatã.

De acordo com o engenheiro florestal Alan Péricles Amaral, chefe do escritório local da Emater, a propriedade é destaque, sobretudo, pela diversificação das atividades, uma das prioridades da assistência técnica e extensão rural oferecida aos agricultores familiares. “Seu Francisco é bem-sucedido em todas as atividades dentro da propriedade. Podemos dizer que ele rende de tudo um pouco. Não é refém de um único gerador de renda, e consegue valorizar e aproveitar o que a propriedade, a tradição e a tecnologia têm a oferecer”, afirma Alan Amaral.

 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink