Produtores mineiros de alho comemoram alta do preço

Agronegócio

Produtores mineiros de alho comemoram alta do preço

A queda na importação de alho da China fez o preço subir no mercado interno
Por:
261 acessos
Minas Gerais é um dos maiores produtores de alho do país. Este ano, a área plantada no Estado vai chegar a cerca de 2,3 mil hectares. A previsão é colher 13.570 toneladas, com 480 saindo da região de São Gotardo, no alto Paranaíba.

O trabalhador rural José Reinaldo Silva saiu do Maranhão para aproveitar a época de emprego farto na região. “Eu venho para cá todo ano e trabalho, mas lá eu invisto na minha casa, mando para minha família”, disse.

A colheita do alho só termina em setembro e os produtores que investiram devem ganhar um pouco mais este ano. Esse é um reflexo da queda nas importações do produto.

Para os produtores, o ganho a mais é sinônimo de alívio. “Esse ano foi um ano complicado, com muita chuva no inicio. A gente teve que fazer um manejo um pouco mais pesado em relação ao controle de doenças. Só que a gente vai conseguir uma produção equiparada à do ano passado”, falou o agricultor José Mesquita Lond.

Segundo a Associação Nacional dos Produtores de Alho, o volume de alho importado no primeiro semestre de 2009 chegou a quase 7,5 milhões caixas, quinze por cento a menos que em 2008.

O quilo do alho está sendo negociado, em Minas Gerais, por R$ 6,30. No mesmo período do ano passado, era vendido por R$ 4.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink