SP: pimenta é tema de curso on-line oferecido pela Secretaria de Agricultura
CI
Imagem: Pixabay
CAPACITAÇÃO

SP: pimenta é tema de curso on-line oferecido pela Secretaria de Agricultura

A capacitação oferecida pela Secretaria de Agricultura ocorrerá no dia 11 de agosto, a partir das 14 horas
Por:

A capacitação oferecida pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento, organizada pela Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável (CDRS) Regional Limeira, no dia 11 de agosto, a partir das 14 horas, com duração de cerca de 1h30, abordará as características da pimenta Maria Bonita e o processamento de pimentas em geral.

De acordo com a médica veterinária Tatiane Braga do Carmo, organizadora da capacitação e responsável pelo convite aos palestrantes, a pimenta Maria Bonita é uma nova variedade da conhecida pimenta Biquinho. “Na verdade, trata-se de uma ‘neta’ da biquinho”, esclarece.

Durante a palestra, o professor Fernando César Sala apresentará as características dessa nova variedade, que é resultado de pesquisa da Universidade Federal de São Carlos (UFscar).

Na sequência, as nutricionistas Beatriz Cantusio Pazinato e Denise Baldan trarão um passo a passo para que produtores que cultivam pimentas e queiram agregar valor à produção, aproveitem o excedente e ofereçam pimentas variadas em forma de conservas. A capacitação também poderá ser acompanhada pelos amantes de pimentas em geral, para que possam preparar em casa esse ingrediente que oferece tanto sabor à culinária.

Segundo Tatiane, a pimenta Maria Bonita tem sabor mais adocicado, leve pungência, produz frutos maiores, de polpa mais grossa ou ‘carnuda’ e macia. “A Maria Bonita, assim como a tradicional Biquinho, pode ser consumida tanto in natura como em conservas e no preparo de geléias. A ideia é divulgar a nova variedade e, ainda, oferecer formas de agregar valor ao produto”, explica a técnica da CDRS, órgão da Secretaria que tem como missão levar os resultados das pesquisas aos produtores rurais.

O Brasil tem cerca de nove mil hectares de produção de pimentas no Estado de São Paulo, sendo que as regiões mais conhecidas pela produção de pimentas são: Andradina, Itapetininga, Sorocaba, Itapeva, Jaboticabal, Pindamonhangaba, Presidente Prudente e Presidente Venceslau, com diferentes climas. A Maria Bonita está sendo apresentada como mais uma opção de cultivo de pimentas para as famílias de pequenos produtores paulistas.

A inscrição para a participação deve ser feita pelo link https://forms.gle/FQpsMgJY5LUf3SEP7. Gratuita, a palestra será exibida ao vivo pelo canal: youtube.com/c/CDRSagricultura. Para quem não conseguir acompanhar ao vivo, a gravação ficará disponível posteriormente no mesmo endereço.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink