Turquia negocia exportação de grãos ucranianos
CI
Imagem: Pixabay
MUNDO

Turquia negocia exportação de grãos ucranianos

O gabinete do presidente da Turquia, Tayyip Erdogan, não respondeu imediatamente
Por: -Leonardo Gottems

A Turquia está negociando com a Rússia para abrir um corredor através do Estreito de Bósforo que permitiria a exportação de grãos da Ucrânia, disse um alto funcionário turco à Reuters em 26 de maio. A Rússia invadiu a Ucrânia em 24 de fevereiro e bloqueou os portos ucranianos, impedindo as exportações de trigo, milho, óleo de girassol e outros produtos agrícolas. Como resultado, os preços dos grãos subiram para recordes e a insegurança alimentar global aumentou dramaticamente.

A Reuters estima que 20 milhões de toneladas de grãos estão presos nos terminais portuários ucranianos. "A Turquia está negociando com a Rússia e a Ucrânia a exportação de grãos da Ucrânia", disse o funcionário à Reuters , pedindo anonimato porque as negociações eram confidenciais. “Com um corredor a ser aberto a partir da Turquia, havia uma demanda por esse grão para chegar aos seus mercados-alvo. As negociações ainda estão em andamento”, acrescentou a pessoa.

O gabinete do presidente da Turquia, Tayyip Erdogan, não respondeu imediatamente a um pedido de comentário, disse a Reuters. A Turquia, membro da OTAN, condenou a invasão, mas manteve boas relações com a Ucrânia e a Rússia durante todo o conflito.

Os pedidos para que a Rússia permita as exportações de grãos da Ucrânia vêm crescendo nos últimos dias, principalmente da aliança da Otan e de países que dependem fortemente de grãos da região do Mar Negro para alimentar seu povo .

No início desta semana, o vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Andrei Rudenko, indicou que Moscou estava pronta para fornecer um corredor para navios que transportam alimentos em troca do levantamento de algumas sanções ocidentais. No entanto, os membros da OTAN indicaram que não estariam dispostos a suspender as sanções a menos que a Rússia retire completamente seus militares da Ucrânia.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.