Chuva traz alívio da estiagem no Sul
CI
Imagem: Pixabay
AGROTEMPO

Chuva traz alívio da estiagem no Sul

Frente fria começa a ingressar no Rio Grande do Sul com chuva pelo Oeste e o Sul
Por: -Leonardo Gottems

De acordo com análise da MetSul Meteorologia, o fim do mês de Novembro e o começo de Dezembro serão marcados por chuvas mais frequentes e volumosas no Rio Grande do Sul. A notícia traz um importante alívio na forte estiagem que assola o território gaúcho e já deixa mais de 50 municípios em situação de emergência, sem falar nas perdas para a agricultura.

“Neste momento, uma massa de ar quente e seco cobre o Rio Grande do Sul com dias de sol e calor, condição que vai marcar toda esta primeira metade da semana. Entre a quarta e quinta-feira, entretanto, espera-se uma significativa mudança do padrão atmosférico e o começo do período mencionado de instabilidade mais freqüente”, aponta MetSul.

De acordo com a meteorologista Estael Sias, uma "frente fria começa a ingressar no Rio Grande do Sul com chuva pelo Oeste e o Sul do Estado ainda na quarta-feira, sendo precedida por intenso calor, o que pode trazer temporais na chegada da frente e em áreas de instabilidade pré-frontais geradas pelo excessivo calor previsto".

“Na quinta-feira, a frente avança pelo território gaúcho e traz chuva mais generalizada e que deve ter acumulados altos em algumas regiões. Ocorre que o tempo não vai firmar e ainda na sexta pode chover em algumas regiões, antecipando-se mais chuva no próximo fim de semana e no começo da semana que vem, inclusive com acumulados mais altos”, prevê a MetSul.

Conforme o modelo Icon do serviço meteorológico alemão, haverá chuva acumulada nos próximos sete dias, com tendência de grande parte do Centro para o Norte gaúcho registrarem 50 mm ou mais nos próximos sete dias e que algumas localidades tenham até volumes de 100 mm a 150 mm.

“Diante deste cenário, e com a atmosfera mais aquecida desta época do ano, é provável que se registrem episódios de chuva localmente forte a torrencial com elevados volumes em curto período e capazes de provocar alagamentos e transtornos. São possíveis ainda temporais isolados com possibilidade de vendavais e queda de granizo em alguns pontos”, concluem os meteorologistas.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink