Tiago Rocha e Emerson Nascimento são campeões de Latte Art e CIGS

Café

Tiago Rocha e Emerson Nascimento são campeões de Latte Art e CIGS

Evento faz parte do Curso de Comando e Estado-Maior e percorre todas as regiões do país
Por:
74 acessos

Evento faz parte do Curso de Comando e Estado-Maior e percorre todas as regiões do país

A dinâmica agropecuária em Mato Grosso do Sul e os números do setor rural foram apresentados durante palestra ministrada pelo superintendente do Senar/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, Lucas Galvan, na manhã dessa terça-feira (20), no painel econômico, em Campo Grande. A apresentação fez parte dos Estudos Estratégicos para oficiais do Curso de Comando e Estado-Maior do Exército Brasileiro.

A capacitação é voltada para majores e tenentes-coronéis com mais de ano 20 anos de serviço, e prepara futuros chefes militares e assessores de alto nível do exército. A viagem acontece em todas as regiões do Brasil e visa proporcionar aos participantes uma visão mais ampla, possibilidades para planejamento de operações.

“É fundamental que esses militares, que serão responsáveis por ações estratégicas, tenham conhecimento sobre nossas potencialidades, onde estão as regiões com atividade agropecuária, atividade agrícola, desafios e necessidades de melhorias em infraestrutura, a partir das informações levantadas e monitoradas pela Famasul e dos produtos e serviços oferecidos pelo Senar no estado. Os dados auxiliam nas estratégias de defesa e soberania nacional no futuro do Brasil”, salientou o superintendente.

Ao abrir o encontro, o diretor-regional do Senai, Rodolpho Caesar Mangialardo, ressaltou a importância da troca de informações. “A ideia é oferecer subsídios para os trabalhos que serão desenvolvidos tanto no planejamento de operações militares, como em estudos de problemas estratégicos. Nesse contexto, vale reforçar que o Senai é a maior instituição de educação profissional da América Latina e desenvolve diversos trabalhos em pesquisa para inovação da indústria brasileira”, explicou.

Segundo o coronel André Vicente Scafutto de Menezes, que é chefe da comitiva de oficiais da Escola de Comando e Estado-Maior do Exército, para que os militares tenham melhor condições de comandar ações estratégicas, é fundamental conhecer a realidade econômica e social das diversas regiões do País. “Então essa viagem busca apresentar, junto com as entidades que representam o setor produtivo, os aspectos políticos, sociais e militares, para que eles saibam aquilo que irão conduzir quando foram destinados às regiões de trabalho. Temos um oficial no grupo que já sabe que será encaminhado para Nioaque, então a partir desse encontro ele vai saber o que encontrar”, finalizou.

Também presente ao evento, o secretário-adjunto da Semagro (Secretaria Estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), Ricardo Senna, reforçou a importância do desenvolvimento de pesquisa e inovação para avançar a produtividade. “Só conseguimos avançar na agricultura e em áreas de pastagens se utilizarmos o conhecimento necessário para produzir nessas áreas, avanço possível com inovação e processos tecnológicos”, ressaltou. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink