CITROS/CEPEA: baixa produção eleva preços da laranja

Laranja

CITROS/CEPEA: baixa produção eleva preços da laranja

Valor médio da variedade é de R$ 37,25/cx de 40,8 kg, 22,5% superior ao de janeiro/19 e 65,5% acima do de fevereiro/18, em termos nominais
Por:
374 acessos

A quarta estimativa referente à produção do cinturão citrícola (São Paulo e Triângulo Mineiro) em 2018/19, divulgada nesta semana pelo Fundecitrus (Fundo de Defesa da Citricultura), aponta que a oferta de laranja deve totalizar 284,88 milhões de caixas de 40,8 kg. O volume, embora 3,3% superior à estimativa de dezembro/18, ainda está 28,5% abaixo do produzido em 2017/18. A baixa produção, por sua vez, tem elevado os preços da laranja pera in natura paulista desde maio/18.

Na parcial deste mês, o valor médio da variedade (até o dia 14) é de R$ 37,25/cx de 40,8 kg, 22,5% superior ao de janeiro/19 e 65,5% acima do de fevereiro/18, em termos nominais. Quanto à lima ácida tahiti, no mercado de mesa paulista, a redução no ritmo das atividades de campo, devido às chuvas, elevou as cotações nos últimos dias. Assim, a média parcial da tahiti nesta semana é de R$ 21,51/cx de 27 kg, colhida, alta de 21,6% em relação à semana passada.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink