Bula Fazor SL - Arysta Lifescience

Bula Fazor SL

CI
Hidrazida malêica
7896
UPL

Composição

Hidrazida Malêica 180 g/L

Classificação

Terrestre/Aérea
Regulador de crescimento
Não Classificado
III - Produto perigoso
Não inflamável
Não corrosivo
Concentrado Solúvel (SL)
Sistêmico

Arroz

Dosagem
Oryza sativa (Arroz)

Batata

Calda Terrestre Dosagem
Solanum tuberosum (Batata)

Embalagens: balde de plástico de 5, 10, 20 e 25 L e bombona plástica de 5, 10, 20, 25 e 50 L.

INSTRUÇÕES DE USO

FAZOR® SL é um regulador de crescimento de ação sistêmica. Na cultura do ARROZ IRRIGADO, FAZOR® SL inibe a formação de grãos de arroz vermelho melhorando e valorizando a qualidade do produto comercial e reduz a reinfestação desta planta daninha na safra subsequente.
Na cultura da BATATA, FAZOR® SL inibe o desenvolvimento de brotos nos tubérculos, durante o período pós-colheita, permitindo um prolongamento do tempo de armazenagem.
A ação anti-brotante do produto inibe a germinação de tubérculos de batata, remanescentes na lavoura (batata voluntária ou resteva), no período após a colheita.

NÚMERO, ÉPOCA E INTERVALO DE APLICAÇÃO

• Arroz irrigado: Quando os grãos de arroz branco estiverem no estágio pastoso ou mais amadurecido, e os grãos de arroz vermelho estiverem no estágio leitoso ou mais precoce. Observações: Os estágios das plantas para pulverização poderão ocorrer com variedades de ciclo precoce ou em lavouras em que os métodos de cultivo proporcionarem um diferencial entre o florescimento do arroz branco e do vermelho de pelo menos 7 dias (o arroz branco florescendo antes). O produto não será eficiente, quando aplicado após a fase de grão leitoso do arroz vermelho.
• Batata: Quando os menores tubérculos que serão colhidos e comercializados como tipo "especial" apresentarem diâmetro mínimo de 3,5 cm, o que ocorre no terço final do ciclo da cultura até 2 semanas da época ideal para a desrama. Os tubérculos sobre os quais se deseja a ação do produto deverão estar ligados à planta mãe e em pleno desenvolvimento para que ocorra a translocação. Observações: A desrama (mecânica ou química) somente poderá ser realizada 2 semanas após a pulverização. Amostragem para determinação da época de aplicação: tomar 10 plantas/ha percorrendo a área em forma de "X", observar o tamanho dos tubérculos e se estes estão ligados à planta mãe. Em condições de armazenamento desfavoráveis, aparecerão, após 30-45 dias, pequenas estruturas deformadas de coloração parda nos pontos de crescimento dos tubérculos que evoluem muito lentamente. Em condições favoráveis de armazenamento, estas estruturas, que são a malformação de brotos pelo efeito da aplicação do produto, poderão ter se aparecimento retardado em até 4 - 5 meses. A ocorrência de brotos nos tubérculos indica que nestes não houve a translocação do produto na quantidade necessária. Consulte um Engenheiro Agrônomo para determinação da época de aplicação em função da variedade cultivada.

MODO DE APLICAÇÃO/EQUIPAMENTOS

• Arroz irrigado: A aplicação deverá ser feita através de aeronaves agrícolas.
a) Aviões equipados com barra (IPANEMA): Utilizar 40 - 42 bicos do tipo jato cônico vazio. Fechar 4 a 5 bicos da extremidade de cada asa. Manter ativos os bicos da "barriga" da fuselagem. Os ângulos dos bicos deverão ser ajustados entre 900 a 1800.
b) Aviões equipados com "micronair": As pás deste tipo de bico rotativo deverão ser ajustadas para cada condição climática no momento da aplicação, de maneira a se obter uma deposição com um DMV de 110 -120 micra, com um mínimo de 40 gotas/cm².
Altura de voo: 4 - 5 metros
Volume de calda: 15 a 30 litros/ha
Pressão de operação: 15 a 30 psi
Faixa de deposição: 15 metros
Condições climáticas:
- Temperatura máxima: 27ºC
- Umidade relativa do ar: 55%
- Velocidade do vento: máx. 10 km/h (3,0 m/s)
• Batata: Utilizar pulverizadores de barra tratorizados ou pulverizadores costais manuais ou motorizados. Empregar bicos tipo "cone", aplicando de forma a promover o completo molhamento das folhas verdes das plantas.

INTERVALO DE SEGURANÇA

Suspender a aplicação 14 dias antes da colheita na cultura da batata e do arroz irrigado.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS

3 dias após a pulverização.

LIMITAÇÕES DE USO

• Não utilizar o produto através de sistemas de irrigação.
• Não misturar a outros defensivos agrícolas, e nem com espalhantes adesivos.
• Não aplicar o produto em lavouras destinadas à produção de sementes ou propagação.
• Não aplicar o produto em dias muito secos ou em condição de temperatura elevada.
• quando as folhas das plantas de batata e de arroz vermelho apresentarem murchamento.
• Evitar aplicações durante a noite. Procurar pulverizar pela manhã, quando a temperatura ainda não é elevada.
• Sendo o produto de ação sistêmica, é necessário que as plantas de batata e de arroz vermelho estejam em fase de intenso desenvolvimento e translocação, com folhas verdes e livres do ataque de pragas e doenças.
• Em plantas desenvolvidas sob condições adversas, stress hídrico, a absorção do produto será menor e os resultados esperados não deverão ser tão bons como àqueles obtidos em plantas sob condições normais de desenvolvimento.
• A deriva da pulverização durante a aplicação é indesejável, e poderá afetar lavouras vizinhas.
• Não aplicar antes da época recomendada. Uma aplicação adiantada poderá gerar grãos/tubérculos malformados.
• Não aplicar o produto até pelo menos 24 horas antes de ocorrência de chuva ou irrigação por aspersão.

Em arroz irrigado:

• Não aplicar em lavouras onde não seja observado o diferencial de florescimento entre o arroz branco e o arroz vermelho, de pelo menos 7 dias (o arroz branco florescendo antes).
• Não pulverizar quando as plantas de arroz branco estiverem no estágio leitoso ou mais precoce.
• Não pulverizar em lavouras onde os estágios de desenvolvimento das plantas de arroz branco sejam heterogêneos.
• Sendo os estágios de desenvolvimento das plantas de arroz vermelho demasiadamente heterogêneos, o produto não inibirá o desenvolvimento de grãos (do arroz vermelho) já no estágio pastoso ou mais maduro.

Em batata:

FAZOR® SL não protege os tubérculos da ação de doenças e pragas durante o período de armazenamento. Portanto, é fundamental que a batata a ser armazenada seja de boa qualidade. Não se recomenda a aplicação do produto em variedades não indicadas ao armazenamento.

FITOTOXICIDADE PARA AS CULTURAS INDICADAS

Nas doses e épocas recomendadas o produto não apresenta fitotoxicidade. Uma aplicação antecipada do produto reduzirá a produtividade, causando tubérculos/grãos malformados, sem valor comercial, o que poderá ocorrer se a lavoura estiver demasiadamente heterogênea, com plantas em vários estágios de desenvolvimento. Outras observações: Consulte um Engenheiro Agrônomo para orientação de métodos de armazenamento para batata nas diferentes regiões.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Não se aplica a este produto.

Não se aplica a este produto.