Bula Natur´ l Óleo

acessos
Óleo vegetal
2048304
Stoller

Composição

Óleo vegetal 930 mL/L Ésteres de ácido graxo com glicerol

Classificação

Inseticida, Adjuvante, Espalhante adesivo
IV - Pouco tóxico
IV - Produto pouco perigoso ao meio ambiente
Inflamável
Não corrosivo
Concentrado Emulsionável (EC)
Contato, Espalhante adesivo
Citros Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Cochonilha escama farinha
(Pinnaspis aspidistrae)
1 a 2 L p.c. / 100 L de água - - No início da infestação. Sem restrições. As aplicações devem ser feitas no início da infestação das pragas-alvo. Para isso, seguir as recomendações de um Engenheiro Agrônomo, que determinará o momento adequado. Recomenda-se inspecionar o pomar quinzenalmente; exceto nos períodos de maior incidência da praga. Nesse caso, inspecionar a cada 7 dias
Cochonilha verde
(Coccus viridis)
1 a 2 L p.c. / 100 L de água - - No início das infestações. Sem restrições. As aplicações devem ser feitas no início da infestação das pragas-alvo. Para isso, seguir as recomendações de um Engenheiro Agrônomo, que determinará o momento adequado. Recomenda-se inspecionar o pomar quinzenalmente; exceto nos períodos de maior incidência da praga. Nesse caso, inspecionar a cada 7 dias

Embalagens plásticas: Frasco de 1 L. Galão de 5 litros. Galão de 10 L (PAD-polietileno de alta densidade). Bombona de 20, 25 e 30 L (PAD). Balde de 20 litros. Mini tambor de 50 L. Tambor de 200 L. Embalagens de aço: Tambor de 200 L. Embalagem a granel: Caminhões tanque de 15.000 L. Container de 1.000 L.

INSTRUÇÕES DE USO: NATUR'L ÓLEO é óleo vegetal emulsionável pronto para ser diluído em água. NATUR'L ÓLEO é Inseticida com ação de contato e Espalhante Adesivo.

Uso como Inseticida: RECOMENDAÇÃO: Cultura: Citros Pragas: Coccus viridis- Cochonilha verde e Pinnaspis minor - Cochonilha escama farinha - Doses em 100 litros d'água: do i. ativo (g): 859,39 a 1718,64 do NATUR'L ÓLEO (L): 1 a 2 ;

O volume de calda por planta ou por hectare varia com o porte da planta, grau de enfolhamento e número de plantas por hectare.

INÍCIO, NÚMERO E FREQUÊNCIA DAS APLICAÇÕES: A aplicação deve ser realizada quando a praga atingir o nível de dano econômico. Recomenda-se inspecionar o pomar quinzenalmente e a cada 7 dias, nos períodos de maior incidência da praga.

MODO DE APLICAÇÃO: agitar bem o NATUR'L ÓLEO antes de retirá-lo da embalagem; encher parcialmente o tanque do pulverizador com água; adicionar ao tanque a dose recomendada do NATUR'L ÓLEO com o agitador ligado; completar o volume; manter a agitação durante a aplicação.

Aplicação: pulverizador tratorizado com pistola: a pressão de trabalho deve ser escolhida em função do volume a ser aplicado, diâmetro das árvores, condições climáticas e desgaste da máquina. Normalmente, a pressão de trabalho está entre 100 e 300 lb/pol2. turbo pulverizador: a combinação da pressão de trabalho e a ponta a ser utilizada deve ser tal que as gotas produzidas se situem entre 180 e 340 u. A escolha deve ser feita em função das condições climáticas, isto é, gotas maiores sob condições adversas e gotas menores em condições favoráveis.

NATUR'L ÓLEO deve ser aplicado em volume suficiente para se obter uma boa cobertura de todas as partes das plantas. Os valores propostos podem ser alterados a critério do técnico responsável.

INTERVALO DE SEGURANÇA: Sem restrições.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS: Recomenda-se não entrar nas áreas tratadas sem o equipamento de proteção individual até que o material aplicado esteja seco.

LIMITAÇÕES DE USO: Fitotoxicidade: ausente quando utilizado conforme as recomendações.

Outras restrições: Não se recomenda a aplicação de NATUR'L ÓLEO: 3 a 4 semanas antes ou depois de tratamentos à base de enxofre, para evitar queimaduras nas folhas, flores e frutos; durante a florada; quando os frutos estão com diâmetro entre 2 a 4 cm, para evitar lesões; com temperaturas acima de 30ºC.

Uso como Espalhante Adesivo: RECOMENDAÇÃO: NATUR'L ÓLEO promove a redução da tensão superficial da calda o que implica em um maior espalhamento das gotas produzidas durante a aplicação NATUR'L ÓLEO reduz a deriva, porque não evapora e as gotas tendem a manter o peso durante a trajetória. Como Espalhante Adesivo o efeito da adição de NATUR'L ÓLEO já é observado com uma concentração de 0,16% do produto na calda e o aumento do espalhamento das gotas é observado até a concentração de 5,0% da calda. Exemplo: 0,16% = 160 ml de NATUR'L ÓLEO /100 litros;5,00% = 5000 ml de NATUR'L ÓLEO/100 litros.Usar a dose de NATUR'L ÓLEO recomendada pelo fabricante do agro-químico.

INÍCIO, NÚMERO E FREQUÊNCIA DAS APLICAÇÕES: Deverá ser observada rigorosamente a recomendação do agro-químico ao qual o NATUR'L ÓLEO será adicionado.

MODO DE APLICAÇÃO: NATUR'L ÓLEO + Agro-químico em formulação Concentrado Emulsionável, Solução Concentrada e Solução Aquosa Concentrada. fazer a pré-mistura do NATUR'L ÓLEO com o agro-químico; mexer bem; encher parcialmente o tanque do pulverizador com água; adicionar a pré-mistura no tanque com o agitador ligado; completar o volume; manter agitação durante toda a aplicação.

NATUR'L ÓLEO + Agro-químico em formulação Suspensão Concentrada : fazer a pré-mistura do agro-químico com um pouco de água; adicionar a esta pré-mistura o NATUR'L ÓLEO; mexer bem; encher parcialmente o tanque do pulverizador com água; adicionar a pré-mistura no tanque com o agitador ligado; completar o volume; manter agitação durante toda a aplicação. Obs: Não fazer pré-mistura com: Paraquat e suas misturas.

NATUR'L ÓLEO + Agro-químico em formulação Pó Molhável : dissolver o agro-químico em pequeno volume de água; adicionar o NATUR'L ÓLEO; mexer bem; encher parcialmente o tanque do pulverizador com água; adicionar a pré-mistura no tanque com o agitador ligado; completar o volume; manter agitação durante toda a aplicação.

INCOMPATIBILIDADE: NATUR'L ÓLEO é incompatível com: Enxofre, Lactofen, Clorotalonil; Agro-químicos que contenham Estanho na composição; Propargite.

PRECAUÇÕES GERAIS: Não coma, não beba e não fume durante o manuseio do produto. Não utilize equipamento com vazamento. Não desentupa bicos, orifícios e válvulas com a boca. Não distribua o produto com as mãos desprotegidas.

PRECAUÇÕES NO MANUSEIO: Se houver contato do produto com os olhos, lave-os imediatamente, VEJA PRIMEIROS SOCORROS. Caso o produto seja inalado ou aspirado, procure local arejado e VEJA PRIMEIROS SOCORROS. Use luvas de borracha: Ao contato do produto com a pele, lave-a imediatamente e VEJA PRIMEIROS SOCORROS. Ao abrir a embalagem, faça-o com cuidado.

PRECAUÇÕES DURANTE O USO: Evite o máximo possível o contato com a área de aplicação. Não aplique o produto contra o vento. Use macacão com mangas compridas, botas, avental impermeável, óculos ou viseira facial, luvas e máscara cobrindo o nariz e a boca.

PRECAUÇÕES APÓS A APLICAÇÃO: Não reutilize a embalagem vazia.Mantenha o restante do produto adequadamente fechado em local trancado, longe do alcance de crianças e animais. Tome banho, troque e lave suas roupas (não misture com roupas de uso diário).

PRIMEIROS SOCORROS: Ingestão: Se ingerido voluntária ou acidentalmente, induza o vômito. Procure imediatamente o médico levando a embalagem, rótulo, bula ou receituário agronômico do produto. Olhos: Se em contato com os olhos, lave-os com água corrente em abundância e procure o médico levando a embalagem, rótulo, bula ou receituário agronômico do produto. Pele: Se em contato com a pele, lave-a com água e detergente, e procure o médico levando a embalagem, rótulo, bula ou receituário agronômico. Inalação: Se inalado, procure imediatamente local arejado e em seguida procure o médico levando a embalagem, rótulo, bula ou receituário agronômico do produto.

TRATAMENTO MÉDICO DE EMERGÊNCIA E ANTÍDOTO: NATUR'L ÓLEO quando ingerido em quantidade poderá promover diarréia e com isto o enfraquecimento. Recomenda-se combater a desidratação. Não há antídoto específico. Tratamento sintomático.

MECANISMOS DE AÇÃO, ABSORÇÃO E EXCREÇÃO PARA O SER HUMANO: O acúmulo no caminho alimentar não é esperado porque a administração oral do óleo passa através do trato gastrointestinal inalterado e somente uma pequena quantidade de óleo é absorvida e acumulada no tecido ou metabolizado.

EFEITOS AGUDOS E CRÔNICOS: Exposição aguda: Se o produto atingir os olhos, poderá ocasionar irritação ocular, reversível. Exposição crônica: Nenhum efeito é esperado.

EFEITOS COLATERAIS: A ingestão do produto poderá causar diarréia e com isto o enfraquecimento. Com o controle da desidratação, cessa este efeito.

TELEFONES PARA OS CASOS DE EMERGÊNCIA: Centro de Informações Toxicológicas: 0800-170450 ou 0xx11 5012-5311.Telefone da empresa 0xx19 3872-8288. PRÓ-QUÍMICA-ABIQUIM: 0800-11-8270.

PRECAUÇÕES DE USO E ADVERTÊNCIAS QUANTO AOS CUIDADOS DE PROTEÇÃO AO MEIO
AMBIENTE:
- Este produto é:
- Altamente Perigoso ao Meio Ambiente (CLASSE I).
- Muito Perigoso ao Meio Ambiente (CLASSE II).
- Perigoso ao Meio Ambiente (CLASSE III).
X - POUCO PERIGOSO AO MEIO AMBIENTE (CLASSE IV).
- Evite a contaminação ambiental - Preserve a Natureza.
- Não utilize equipamento com vazamentos.
- Não aplique o produto na presença de ventos fortes ou nas horas mais quentes.
- Aplique somente as doses recomendadas.
- Não lave as embalagens ou equipamento aplicador em lagos, fontes, rios e demais corpos
d'água. Evite a contaminação da água.
- A destinação inadequada de embalagens e restos de produtos ocasiona contaminação do
solo, da água e do ar, prejudicando a fauna, a flora e a saúde das pessoas.
- Não execute aplicação aérea de agrotóxicos em áreas situadas a uma distância inferior a 500
(quinhentos) metros de povoação e de mananciais de captação de água para abastecimento
público e 250 (duzentos e cinqüenta) metros de mananciais de água, moradias isoladas,
agrupamentos de animais e vegetação suscetível a danos.
- Observe as disposições constantes na legislação estadual e municipal concernentes às
atividades aeroagrícolas.

Como INSETICIDA:
Sempre que houver disponibilidade de informações sobre MIP, provenientes da pesquisa pública ou privada, recomenda-se que estes programas sejam implementados.
Como ADJUVANTE (ESPALHANTE ADESIVO):
Siga as recomendações do agrotóxico ao qual NATUR'L ÓLEO será adicionado.

Como INSETICIDA: Qualquer agente de controle de inseto pode ficar menos efetivo ao longo do tempo se o inseto-alvo desenvolver algum mecanismo de resistência. Implementando as seguintes estratégias de Manejo de Resistência a Inseticidas (MRI) pode-se prolongar a vida útil dos inseticidas: - Qualquer produto para controle de inseto da mesma classe ou modo de ação não deve ser utilizado em gerações consecutivas da mesma praga. - Utilizar somente as doses recomendadas no rótulo/bula. - Sempre consultar um Engenheiro Agrônomo para direcionamento sobre as recomendações locais para o MRI. - Incluir outros métodos de controle de insetos (ex: controle cultural, biológico, etc.) dentro do programa de Manejo Integrado de Pragas (MIP) quando disponível e apropriado. Como ADJUVANTE (ESPALHANTE ADESIVO): Siga as recomendações do agrotóxico ao qual NATUR'L ÓLEO será adicionado.

Compatibilidade

Incompatível com enxofre, lactofen, clorotalonil,....