Baixa oferta dá sustentação aos preços do sebo bovino

SUSTENTAÇÃO

Baixa oferta dá sustentação aos preços do sebo bovino

Para o curto prazo, a oferta limitada deve manter o mercado com os preços firmes
Por:
70 acessos

Segundo levantamento da Scot Consultoria, no Brasil Central, o sebo bovino está cotado em R$2,95/kg, livre de imposto. Alta de 1,7% frente à semana anterior e de 3,5% na comparação com o início do ano. 

Além da disponibilidade limitada, a demanda está boa. A associação entre esses fatores explica o movimento das cotações. 

No Rio Grande do Sul, mercado estável. No estado, o sebo está cotado em R$3,00/kg, livre de imposto. Contudo, vale destacar que há negócios sendo realizados até R$0,15/kg acima da referência. 

Para o curto prazo, a oferta limitada deve manter o mercado com os preços firmes. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink