Milho: um dia mais parado que o outro
CI
Imagem: Pixabay
COTAÇÕES

Milho: um dia mais parado que o outro

O Paraná tem vários negócios no interior, a preços variados
Por: -Leonardo Gottems

O estado do Rio Grande do Sul teve uma sexta-feira mais parada para o milho que o dia anterior, por queda nos preços, de acordo com informações da TF Agroeconômica. “Paradeira segue no mercado de milho, sem negócios reportados. Preços indicados por compradores estão na faixa de R$ 90,00 a R$ 92,00 CIF nas fábricas e as ofertas dos vendedores no mercado local estão em R$ 94,00 e R$ 95,00 FOB interior, ou seja, muito distantes umas das outras. Os preços de balcão, em Panambi, mantiveram-se em R$ 82,00 ao produtor”, comenta.

Tudo igual no estado de Santa Catarina, com as pontas seguindo distantes. “O mercado de milho continua difícil em SC: as pontas sempre bem distantes. Soubemos de compras de 10.000 toneladas por uma grande indústria de Chapecó a R$ 92/92/saca nesta sexta-feira, CIF fábrica. De um modo geral, os compradores indicaram R$ 87,00/saca e vendedores R$ 90,00 na média geral. Na região de Campos Novos R$ 94-95,00 vendedor e R$ 90,00 comprador. Mesma base na região de Xanxerê. De um modo geral as ofertas de milho de SC continuam muito escassas. Assim como o RS, os preços tiveram evolução negativa neste ano, frustrando os agricultores e fazendo-os pedir preços impossíveis de a demanda pagar”, completa.

O Paraná tem vários negócios no interior, a preços variados. “Com os preços novamente em queda, por expectativa de uma excelente Safrinha, que cada vez mais se aproxima, os compradores estão reduzindo suas indicações e os vendedores se retiram, esperando fazer pressão. O tempo está a favor dos compradores. Mesmo assim, houve negócios de 3.000t em Guarapuava a R$ 90,00 mas com pagamento 10/8. Norte do PR negociadas 5.000 tons na ferrovia, de milho do MS. No Oeste comprador a R$ 88, mas vendedor não menos que R$ 90/saca. Nos Campos Gerais vendedor a R$ 92,00 e comprador a R$ 89,00”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.