Milho argentino tem queda de US$ 1/t
CI
Imagem: Eliza Maliszewski
MERCADO INTERNACIONAL

Milho argentino tem queda de US$ 1/t

Já para as importações do Brasil, continuam chegando navios comprados anteriormente
Por: -Leonardo Gottems

Em relação ao milho argentino, uma queda nos prêmios provoca queda de US$ 1/t nesta segunda-feira, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “Os preços FOB UpRiver, do trigo argentino recuaram novamente, com as quedas somadas dos prêmios e de Chicago”, comenta a consultoria.

“Para navios Handysize os preços do dia recuaram US$ 1/t para US$ 316 para maio; recuaram US$ 5/t para US$ 313 para junho e julho; recuaram US$ 4/t para US$ 306 para agosto, US$ 6/t para US$ 306 para setembro. Não houve cotações para os demais meses. Para os navios Panamax, os preços avançaram US$ 3/t para US$ 320 maio, recuaram US$ 5/t para US$ 325 junho e US$ 3,00/ t para US$317 para julho. Não houve cotações para os demais meses”, completa.

Já para as importações do Brasil, continuam chegando navios comprados anteriormente (mais de 60 dias) de milho argentino, mas novas importações estão praticamente inviáveis. Nos Estados Unidos, o relatório semanal de acompanhamento das culturas, divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) nesta segunda-feira, registrou que a média do plantio de milho no país atingiu 14% neste domingo,1, contra 42% na mesma data do ano passado e contra 33% da média dos últimos cinco anos.

“O dólar disparou neste início de semana e fechou acima de R$ 5,00 pela primeira vez desde 18 de março, em meio à onda de fortalecimento global da moeda americana. À cautela em torno da decisão de política monetária do Federal Reserve na quarta-feira (5), que pode trazer um tom mais duro, somaram- se temores de desaceleração da economia mundial em momento de inflação elevada, a chamada estagflação. Dados de atividade industrial abaixo do esperado nos Estados Unidos e, sobretudo, na China assustaram os investidores”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.