Milho segue parado nos estados do Sul
CI
Imagem: Pixabay
MERCADO

Milho segue parado nos estados do Sul

Com a exportação sem referências, o mercado do Paraná permaneceu parado nesta segunda-feira
Por: -Leonardo Gottems

A semana começa parada para o milho no estado do Rio Grande do Sul, sem referência da exportação, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “Preços indicados por compradores, melhoraram em função do câmbio, e agora estão na faixa de R$ 93,00 CIF Ijuí, Frederico e Santa Rosa, R$ 94,00 Chapecó, R$ 96,00 Marau, R$ 97,00 Arroio do Meio. As ofertas no mercado local estão em R$ 94,00 e R$ 95,00 FOB interior, ou seja, muito distantes umas das outras. Os preços de balcão em Panambi, mantiveram-se em R$ 82,00 ao produtor”, comenta.

Em Santa Catarina continuam os negócios no porto, que paga melhor. “Parada, sem as referências de Chicago. No mercado interno Campos Novos querendo vender a R$ 95,00 e compradores a R$ 92,00. A safra catarinense de milho teve um aumento de 8,3%, segundo a Conab, passando de 1,98 MT para 2,14 MT e deverá importar cerca de 5 milhões de toneladas para atender as suas necessidades”, completa a consultoria.

Com a exportação sem referências, o mercado do Paraná permaneceu parado nesta segunda-feira. “Como o Paraná é um estado exportador de milho e a exportação está muito ativa nas últimas semanas, o mercado ficou parado nesta segunda-feira de feriado nos EUA e Bolsa de Chicago fechada. Houve apenas indicações, sem negócios conhecidos, mas com cerca de 20.000 toneladas esperando para fechar nesta terça-feira”, indica.

“Os preços ficaram entre, no Norte, R$ 90,00 x R$ 88,00; Sudoeste R$ 89,00 x R$ 88,00; Campos Gerais R$ 92,00 x 90,50 e Oeste R$ 90 x R$ 89,00/saca. Houve de milho do MT sendo entregue no norte, qualidade boa”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.