Milho sobe sem negócios
CI
Imagem: Pixabay
MERCADO

Milho sobe sem negócios

Várias tentativas de negócios ocorreram no Paraná, mas vendedores estão inflexíveis com possibilidade de geada
Por: -Leonardo Gottems

No estado do Rio Grande do Sul, os preços do milho sobem mais R$ 1,00/saca nesta segunda-feira, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “Paradeira continua no mercado de milho, sem negócios reportados. Preços indicados por compradores, melhoraram em função do câmbio, e agora estão na faixa de R$ 93,00 CIF Ijui, Frederico e Santa Rosa, R$ 94,00 Chapecó, R$ 96,00 Marau, R$ 97,00 Arroio do Meio. As ofertas no mercado local estão em R$ 94,00 e R$ 95,00 FOB interior, ou seja, muito distantes umas das outras. Preços de Balcão, em Panambi, mantiveram-se em R$ 82,00 ao produtor”, comenta.

Santa Catarina teve um dia sem negócios conhecidos. “Milhos mais lentos. Pedidas de venda a R$ 90,00/saca e compradores a R$ 88,00, nas diversas praças. Comprador tomou 1k no PR a R$ 95 CIF. No porto R$ 94-95,00, entrega agosto com pagamento setembro. Mas, o dia foi sem negócios conhecidos. De um modo geral as ofertas de milho de SC continuam muito escassas. A maioria dos produtores acredita que o mercado possa ter uma reviravolta para cima e prefere esperar”, completa.

Várias tentativas de negócios ocorreram no Paraná, mas vendedores estão inflexíveis com possibilidade de geada. “Negociadas 2.000 tons no Sudoeste a R$ 90,00 FOB e 1.000 tons no Oeste a R$ 90,00 CIF, ambas para o mercado interno. Campos Gerais e Guarapuava com indicações de produtores a R$ 92,00 FOB, exportação não ofereceu mais do que R$ 87 no interior, mas fechou a R$ 94/95 no porto. Na ferrovia, em Maringá, rodou algo a R$ 90,00 para agosto com pagamento setembro, entre 4 a 5.000 toneladas. Acreditamos que tenha havidos mais negociações, mas foram estas que toamos conhecimento”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.