Milho volta a fechar em alta na B3
CI
Imagem: Marcel Oliveira
MERCADO

Milho volta a fechar em alta na B3

Em Chicago, existe uma preocupação com oferta global, início lento do plantio nos EUA e greve na Argentina
Por: -Leonardo Gottems

Na Bolsa de Mercadorias de São Paulo (B3), o milho voltou a fechar em alta para o dia e para a semana, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “Puxados, novamente, pela alta em Chicago (que pode incentivar as exportações e, com isto iniciar uma disputa pelo grão e elevar as cotações) e pelas compras de oportunidade dos investidores as cotações do milho no mercado futuro de São Paulo voltaram a fechar novamente em alta, nesta quinta- feira", comenta.

“Mesmo com a maioria dos compradores do físico esteja abastecida e esperando apenas a colheita da Safrinha, a alta em Chicago (+0,96%), somada à alta do dólar (+0,16%) permitiu reação do mercado, nesta quinta-feira. Com isto, todas as cotações do dia fecharam novamente em alta, nesta quinta-feira: o vencimento maio/22 foi cotado à R$ 88,51, alta de R$ 0,45/saca no dia e de R$ 1,98 nos últimos 5 pregões(semana); julho/22 fechou a R$ 88,88, alta de R$ 0,38 no dia e de R$ 2,47 na semana; setembro/22 fechou a R$ 89,58, com alta de R$ 0,30 no dia e de R$ 3,28 na semana e novembro/22 fechou a R$ 91,04 com alta de R$ 0,34 no dia e de R$ 3,10 na semana”, completa.

Em Chicago, existe uma preocupação com oferta global, início lento do plantio nos EUA e greve na Argentina. “A cotação do milho para maio22 fechou em alta de 0,96% ou 7,50 cents/bushel a $791,0. A cotação de julho22, importante para as exportações brasileiras, fechou em alta de 0,84% ou $ 6,50 cents/bushel a $ 784,50, indica.

“Renovada preocupação com o abastecimento global. A perspectiva produtiva na Ucrânia para a nova safra é incerta. Nos EUA, o plantio estaria começando muito devagar, devido ao clima desfavorável. Paralisação de transporte na Argentina, dificulta embarques”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.