Bicho furão (Ecdytolopha aurantii)
CI

Bicho furão

(Ecdytolopha aurantii)

Culturas Afetadas: Alfafa, Algodão, Amendoim, Arroz, Batata, Brócolis, Cana-de-açúcar, Citros, Coco, Couve, Couve-flor, Fumo, Mandioca, Maracujá, Milho, Pastagens, Repolho, Seringueira (Floresta implantada), Soja, Trigo

É uma praga muito observada no mês de novembro, sendo que o pico populacional ocorre entre os meses de fevereiro a março. A precipitação é um dos fatores climáticos que favorece o aparecimento dessa praga.


 

Danos: Os ovos são depositados nos frutos. As lagartas, ao eclodirem, penetram nos frutos, alimentando-se da polpa e provocando perda total do fruto. O ataque é bem caracterizado, pois a larva deposita os seus excrementos fora do fruto.
 

Controle: Fazer periodicamente o monitoramento do pomar. Caso seja constatada a infestação, deve-se fazer aplicações de inseticidas à base de Bacillus thuringiensis, carbamatos e piretróides.



Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.