Bula Centurion - Arysta Lifescience

Bula Centurion

CI
Cletodim
2910
UPL

Composição

Cletodim 240 g/L

Classificação

Aérea
Herbicida
5 - Produto Improvável de Causar Dano Agudo
III - Produto perigoso
Inflamável
Não corrosivo
Concentrado Emulsionável (EC)
Sistêmico, Pós-emergência

Garrafas de polietileno de alta densidade tipo Coex de 0,25; 0,5 e 1 L.

Bombonas de plástico de 2,5 e 5,0 L.

Frasco plástico ou metálico de 0,1; 0,15; 0,2; 1,5; 2 e 3 L.

Bombona, balde plásticos ou metálico de 4, 8, 10, 15, 20, 25 e 50 L.

Tambores plástico ou metálicos de 10, 200, 250, 500 e 1.000 L.

Tanque contêniner estruturado, em aço inox, com proteção anticorrosiva de 1.000, 2.000, 5.000, 10.000, 15.000, 20.000, 23.000 e 25.000 L.

INSTRUÇÕES DE USO

CENTURION é um herbicida graminicida pós-emergente, sistêmico, seletivo para a cultura cana-de-açúcar, na modalidade de uso e dosagens recomendadas.

NÚMERO, ÉPOCA E INTERVALO DE APLICAÇÃO

- Cana-de-açúcar:
CENTURION deve ser aplicado uma vez em lavouras com boas condições de sanidade e desenvolvimento vegetativo, sem qualquer tipo de estresse para que ocorra uma boa assimilação e expressão das características desejáveis na cultura.

MODO DE APLICAÇÃO

- Aplicação Aérea: Cana-de-açúcar
• Aplicação Aérea: a aeronave agrícola deverá estar equipada com barra, bicos da série D, que produzam gotas maiores que 200 micra e calibrados para distribuir volume de calda de 30 a 50 L/ha. A faixa de deposição do produto será pré-determinada pelo tipo de aeronave e a altura de voo deverá ser de 2 a 4 metros. Visando uma aplicação uniforme, deve-se utilizar recursos adequados para demarcar a largura exata da faixa de pulverização.

Condições climáticas:
- Temperatura: inferior a 30ºC;
- Umidade relativa: superior a 55%;
- Velocidade do vento: entre 3 e 10 km/hora.

INTERVALO DE SEGURANÇA

Cana-de-açúcar: 20 dias

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS

24 horas após a aplicação. Após a secagem do produto nas plantas, caso necessária a reentrada antes deste período, use Equipamentos de Proteção Individual (EPI), conforme indicado nos dados relativos à proteção da saúde humana.

LIMITAÇÕES DE USO

Fitotoxicidade: Não há para a cultura indicada e nas doses recomendadas.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Sempre que houver disponibilidade de informações sobre programas de Manejo Integrado, provenientes da pesquisa pública ou privada, recomenda-se que estes programas sejam implementados.

O uso sucessivo de herbicidas do mesmo mecanismo de ação para o controle do mesmo alvo pode contribuir para o aumento da população da planta daninha alvo resistente a esse mecanismo de ação, levando a perda de eficiência do produto e um consequente prejuízo. Como prática de manejo de resistência de plantas daninhas e para evitar os problemas com a resistência, seguem algumas recomendações:
- Rotação de herbicidas com mecanismos de ação distintos do Grupo A para o controle do mesmo alvo, quando apropriado.
- Adotar outras práticas de controle de plantas daninhas seguindo as boas práticas agrícolas.
- Utilizar as recomendações de dose e modo de aplicação de acordo com a bula do produto.
- Sempre consultar um engenheiro agrônomo para o direcionamento das principais estratégias regionais para o manejo de resistência e a orientação técnica da aplicação de herbicidas.
- Informações sobre possíveis casos de resistência em plantas daninhas devem ser consultados e, ou, informados à: Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas (SBCPD: www.sbcpd.org), Associação Brasileira de Ação à Resistência de Plantas Daninhas aos Herbicidas (HRAC-BR: www.hrac-br.org), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA: www.agricultura.gov.br).

GRUPO A HERBICIDA

O produto herbicida Centurion é composto por Cletodim, que apresenta mecanismo de ação dos inibidores da síntese de lipídeos (inibidores da ACCase), pertencentes ao Grupo A, segundo classificação internacional do HRAC (Comitê de Ação à Resistência de Herbicidas).