Bula Cipermetrina Nortox 250 EC

acessos
Cypermethrin
3101
Nortox

Composição

Cipermetrina 250 g/L Piretróide sintético

Classificação

Inseticida
I - Extremamente tóxica
II - Produto muito perigoso
Não inflamável
Não corrosivo
Concentrado Emulsionável (EC)
Contato, Ingestão
Algodão Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Bicudo
(Anthonomus grandis)
200 a 250 mL p.c./ha 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Efetuar no máximo 2 aplicações. 20 dias. Utilize a dose maior quando se tratar de alto nível de infestação. Pulverizar o produto a intervalos de 5 dias
Curuquerê
(Alabama argillacea)
40 a 50 mL p.c./ha 200 a 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Efetuar no máximo 2 aplicações. 20 dias. Iniciar a aplicação após a constatação de 50% das plantas amostradas apresentarem 5 lagartas pequenas ou 33% das lagartas apresentarem duas lagartas grandes
Lagarta da maçã
(Heliothis virescens)
225 a 250 mL p.c./ha 200 a 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Efetuar no máximo 2 aplicações. 20 dias. Iniciar a aplicação quando constatar de 10 a 15% de plantas com sintomas de ataque ou presença da lagarta (1 lagarta pequena – menor que 10 mm). Realizar amostragens, observando-se os ponteiros das plantas, procurando por ovos e lagartas nas brotações e botões florais
Lagarta rosada
(Pectinophora gossypiella)
225 a 250 mL p.c./ha 200 a 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Repetir se necessário a intervalos de 10 dias. Efetuar no máximo 2 aplicações. 20 dias. Aplicar quando houver 5% de botões florais ou maçãs novas atacadas. Usar maior dose quando houver maior intensidade de ataque ou quando a cultura apresentar maior densidade foliar
Arroz Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Lagarta do cartucho
(Spodoptera frugiperda)
60 mL p.c./ha 250 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Repetir se necessário no intervalo de 10 dias. Efetuar no máximo 2 aplicações. 10 dias. Iniciar a aplicação quando do aparecimento das primeiras lagartas
Batata Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Vaquinha verde amarela
(Diabrotica speciosa)
150 a 180 mL p.c./ha 600 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Repetir se necessário no intervalo de 10 dias. Efetuar no máximo 2 aplicações. 10 dias. Iniciar a aplicação quando do aparecimento dos primeiros insetos. Usar maior dose quando houver maior intensidade de ataque ou quando a cultura apresentar maior densidade foliar
Café Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Bicho mineiro
(Leucoptera coffeella)
40 a 65 mL p.c./ha 120 a 250 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Efetuar uma aplicação no máximo. 30 dias. Aplicar quando se verificar os primeiros sinais do aparecimento da praga
Citros Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Bicho furão
(Ecdytolopha aurantiana)
300 a 600 mL p.c./ha 2000 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Repetir se necessário após 10 dias. Efetuar no máximo 2 aplicações. 28 dias. Iniciar a aplicação quando cerca de 2% dos frutos do talhão estiverem atacados, com pulverização realizada ao entardecer, pois nesse horário a mariposa prefere colocar os ovos
Mosca do mediterrâneo
(Ceratitis capitata)
300 a 360 mL p.c./ha 2000 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Repetir se necessário após 10 dias. Efetuar no máximo 2 aplicações. 28 dias. Iniciar a aplicação sempre que se identificar o aparecimento de danos nos frutos
Feijão Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Vaquinha verde amarela
(Diabrotica speciosa)
100 a 120 mL p.c./ha 200 a 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Efetuar no máximo 2 aplicações. 14 dias. Recomenda-se o controle de adultos nas etapas iniciais de desenvolvimento até o período inicial do florescimento, quando a população da praga for superior a dois insetos por planta
Mandioca Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Mandarová
(Erinnyis ello)
50 a 65 mL p.c./ha 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Repetir se necessário após 10 dias. Efetuar no máximo 2 aplicações por ciclo da cultura. 14 dias. Iniciar a pulverização quando forem encontradas de 5 a 7 lagartas pequenas por planta. Usar maior dose quando houver maior intensidade de ataque ou quando a cultura apresentar maior densidade foliar
Milho Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Lagarta do cartucho
(Spodoptera frugiperda)
40 a 65 mL p.c./ha 200 a 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Efetuar no máximo uma aplicação. 30 dias. Proceder à cobertura uniforme de toda a planta, porém sem causar escorrimento. Usar a dose maior para grandes infestações
Soja Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Lagarta da soja
(Anticarsia gemmatalis)
200 mL p.c./ha 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Efetuar no máximo uma aplicação. 30 dias. Iniciar a aplicação antes de a praga atingir o nível de dano econômico
Lagarta-falsa-medideira
(Pseudoplusia includens)
200 mL p.c./ha 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Efetuar no máximo uma aplicação. 30 dias. Iniciar a aplicação antes de a praga atingir o nível de dano econômico
Percevejo verde pequeno da soja
(Piezodorus guildinii)
200 mL p.c./ha 300 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Efetuar no máximo uma aplicação. 30 dias. Iniciar a aplicação antes de a praga atingir o nível de dano econômico
Tomate Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Lagarta da espiga do milho
(Helicoverpa zea)
200 a 250 mL p.c./ha 1000 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Repetir se necessário no intervalo de 10 dias. Efetuar no máximo 2 aplicações. 10 dias. Iniciar a aplicação quando do aparecimento dos primeiros insetos
Vaquinha verde amarela
(Diabrotica speciosa)
100 mL p.c./ha 400 L de calda/ha 20 a 40 L de calda/ha (aéreo) Repetir se necessário no intervalo de 10 dias. Efetuar no máximo 2 aplicações. 10 dias. Iniciar a aplicação quando do aparecimento dos primeiros insetos

Bombona plástica 10 e 20 litros; Tambor plástico 50, 100, 110,. 125 e 200 litros, Tambor metálico 50, 100, 110, 125 e 200 litros; Tambor retornável plástico 50, 100, 110, 125 e 200 litros, Isotanque retornável (IBC) plástico 500 e 1000 litros; Tanque estacionário polietileno 5.000, 10.000, 15.000, 20.000, 25.000, 30.000, 35.000, 40.000, 45.000, 50.000, 55.000 e 60.000 litros; Tanque estacionário polipropileno 5.000, 10.000, 15.000, 20.000, 25.000, 30.000, 35.000, 40.000, 45.000, 50.000, 55.000 e 60.000 litros; Tanque estacionário poliéster reforçado com fibra de vidro 5.000, 10.000, 15.000, 20.000, 25.000, 30.000, 35.000, 40.000, 45.000, 50.000, 55.000 e 60.000 litros; Tanque estacionário aço inox 5.000, 10.000, 15.000, 20.000, 25.000, 30.000, 35.000, 40.000, 45.000, 50.000, 55.000 e 60.000 litros
Bambona de plástico - 5 e 25L

INSTRUÇÕES DE USO:

Cipermetrina nortox 250 EC é um inseticida piretróide que age por contato e ingestão nos alvos biológicos abaixo indicados os quais causam consideráveis danos à produção das culturas do algodão, arroz, batata, café, citros, feijão, mandioca, milho, soja e tomate.

DOSES E USO: Vide seção Indicações de uso/ doses.

MODO DE APLICAÇÃO:

Cipermetrina Nortox 250 EC é um líquido prontamente emulsionável em água. É aplicado através de pulverizadores costais ou tratorizados de barra equipados com bicos de jato em cone da Serie X ou O como por exemplo JA-2, 02 ou similares ou em jato leque com Twinjet 8003 VB. Os bicos regulados à pressão 20 a 80 Ib/pol2 , deverão proporcionar gotas de 110 a 250 micras de diâmetro com densidade mínima de 40 gotas/cm2. Evitar aplicação na presença de ventos fortes (acima de 10 Km/hora), nas horas mais quentes do dia (temperatura acima de 27°) e umidade relativa do ar abaixo de 50%.
O Engenheiro agrônomo pode alterar as condições de aplicação desde que não ultrapasse a dose máxima, o número máximo de aplicações e o intervalo de segurança determinados na bula.

INTERVALO DE SEGURANÇA:

Arroz e Tomate----------------------------------------------------------------------------------10 dias. Batata, Feijão e Mandioca--------------------------------------------------------------------14 dias.
Algodão-------------------------------------------------------------------------------------------- 20 dias.
Citros----------------------------------------------------------------------------------------------- 28 dias.
Café, Milho e Soja------------------------------------------------------------------------------30 dias.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS:

(De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana - ANVISA/MS).

LIMITAÇÕES DE USO:

Os usos do produto estão restritos aos indicados no rótulo e bula.
Quando este produto for utilizado nas doses recomendadas, não causará danos às culturas indicadas.

(De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana –ANVISA/MS).

(De acordo com as recomendações aprovadas pelo Órgão responsável pelo Meio Ambiente ¬
IBAMA).

É recomendável utilizar outros métodos de controle de insetos (ex. Controle Cultural, Biológico, etc.) dentro do programa de Manejo Integrado de Pragas (MIP) quando disponível e apropriado.

Qualquer agente de controle de inseto pode ficar menos efetivo ao longo do tempo se o inseto alvo desenvolver algum mecanismo de resistência. Implementando as seguintes estratégias de Manejo de Resistência a Inseticidas (MRI) poderíamos prolongar a vida útil dos inseticidas:

Qualquer produto para controle de Inseto da mesma classe ou modo de ação não deve ser
utilizado em gerações consecutivas da mesma praga;Utilizar somente as doses recomendadas na bula;Sempre consultar um Engenheiro Agrônomo para direcionamento sobre as recomendações locais para o MRI;Incluir outros métodos de controle de insetos (ex. Controle Cultural, Biológico, etc.) dentro do programa de Manejo Integrado de Pragas (MIP) quando disponível e apropriado.

Compatibilidade

Não se conhecem casos de incompatibilidade.