Bula Glifosato Sumitomo 720 WG - Sumitomo

Bula Glifosato Sumitomo 720 WG

CI
Glifosato
1704
Sumitomo

Composição

Glifosato 792,5 g/kg
Equivalente ácido de Glifosato 720 g/kg

Classificação

Terrestre
Herbicida
5 - Produto Improvável de Causar Dano Agudo
III - Produto perigoso
Não inflamável
Não corrosivo
Granulado Dispersível (WG)
Sistêmico, Não seletivo

Café

Calda Terrestre Dosagem
Amaranthus hybridus (Caruru roxo)
Amaranthus viridis (Caruru comum)
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Cynodon dactylon (Grama seda)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Digitaria insularis (Capim amargoso )
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Emilia sonchifolia (Falsa serralha)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Parthenium hysterophorus (Losna branca)
Pennisetum americanum (Milheto)

Citros

Calda Terrestre Dosagem
Amaranthus hybridus (Caruru roxo)
Amaranthus viridis (Caruru comum)
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Cynodon dactylon (Grama seda)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Digitaria insularis (Capim amargoso )
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Emilia sonchifolia (Falsa serralha)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Parthenium hysterophorus (Losna branca)
Pennisetum americanum (Milheto)

Milho

Calda Terrestre Dosagem
Amaranthus hybridus (Caruru roxo)
Amaranthus viridis (Caruru comum)
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Cynodon dactylon (Grama seda)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Digitaria insularis (Capim amargoso )
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Emilia sonchifolia (Falsa serralha)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Parthenium hysterophorus (Losna branca)
Pennisetum americanum (Milheto)

Soja

Calda Terrestre Dosagem
Amaranthus hybridus (Caruru roxo)
Amaranthus viridis (Caruru comum)
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Cynodon dactylon (Grama seda)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Digitaria insularis (Capim amargoso )
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Emilia sonchifolia (Falsa serralha)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Parthenium hysterophorus (Losna branca)
Pennisetum americanum (Milheto)

Trigo

Calda Terrestre Dosagem
Amaranthus hybridus (Caruru roxo)
Amaranthus viridis (Caruru comum)
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Cynodon dactylon (Grama seda)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Digitaria insularis (Capim amargoso )
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Emilia sonchifolia (Falsa serralha)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Parthenium hysterophorus (Losna branca)
Pennisetum americanum (Milheto)

Frascos plásticos de polietileno com capacidade para 1 Kg. Sacos alumininizados com capacidade para 500 g; 1,0; 5,0; 10 e 20 Kg. Frascos plásticos de polietileno em monocamada com capacidade para 500 g e 1,0 kg do produto.

INSTRUÇÕES DE USO

GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG é um herbicida pós-emergente não seletivo, indicado para o controle em aplicação foliar de plantas daninhas anuais e perenes, mono ou dicotiledôneas, nas culturas de café e citros em aplicação dirigida sob a copa e nas entrelinhas, e para as culturas de milho, soja E TRIGO visando à dessecação das plantas daninhas antes do plantio direto.
Principais ervas daninhas anuais e perenes controladas:

Nome Comum Nome Científico Kg/ha (g/100 L d’água)

Folha Estreita
Capim-amargoso (Digitaria insularis) 1,5 750
Capim-arroz (Echinochloa crusgalli) 2,5 1250
Capim-brachiaria (Brachiaria decumbens) 1,5 750
Capim-carrapicho (Cenchrus echinatus) 0,5 250
Capim-colchão (Digitaria horizontalis) 0,5 – 1,5 250 – 750
Capim-marmelada (Brachiaria plantaginea) 0,5 250
Grama-seda (Cynodon dactylon) 2,5 1250
Milheto (Pennisetum americanum) 1,5 750
Folha Larga
Amendoim-bravo (Euphorbia heterophylla) 1,5 750
Caruru (Amaranthus hybridus) 1,5 750
Caruru-de-mancha (Amaranthus viridis) 1,5 750
Falsa-serralha (Emilia sonchifolia) 0,5 250
Losna-branca (Parthenium hysterophorus) 1,5 – 2,5 750 – 1250
Picão-preto (Bidens pilosa) 0,5 – 1,5 250 – 750

*As dosagens em g/100 L d’água referem-se as aplicações através de pulverizadores costais manuais ou motorizados, utilizando vazão de 200 l/ha.

ÉPOCA, NÚMERO E INTERVALO DE APLICAÇÃO

Recomenda-se uma única aplicação de GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG durante o estádio vegetativo das plantas daninhas registradas (até a formação de estruturas florais), e em momentos de grande atividade vegetativa, o que é proporcionado pela disponibilidade hídrica no solo.
GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG não tem ação sobre sementes existentes no solo. Aplicar quando a erva daninha estiver em boas condições de desenvolvimento, sem efeito de stress hídrico (condições de seca), tomando cuidado para não atingir as partes verdes das plantas úteis (folha, ramo ou caule jovem).

Em pomares de CITROS ou plantações de CAFÉ, o GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG deve ser aplicado sob a copa e / ou nas entrelinhas da cultura, evitando o contato com as folhas, ramos ou caules jovens das culturas de interesse econômico.
Para as culturas de MILHO, SOJA E TRIGO, somente em plantio direto, o produto deve ser aplicado em área total visando à dessecação das plantas daninhas (pós-emergência), antes do plantio das culturas de interesse (pré-plantio).

MODO/EQUIPAMENTO DE APLICAÇÃO

GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG deve ser aplicado através de equipamentos costais manuais ou motorizados, ou pulverizadores tratorizados.

Pulverizador costal manual:

Na aplicação utilizando pulverizador costal manual ou motorizado, recomenda-se volume de calda de 200 L/ha, pressão entre 20 e 30 Lbs/pol², tamanho de gotas entre 200-600 µm, densidade de gotas entre 20-30/cm², e bico de jato plano convencional ou de deriva reduzida (os mais comuns são: 80.02, 80.03, 110.02 e 110.03).

Equipamento tratorizado com barra:

Na aplicação com pulverizador tratorizado, deve-se utilizar o volume entre 150 e 250 L/ha, pressão entre 30 e 60 lb/pol², tamanho de gotas entre 300-600 µm, densidade de gotas entre 30-40/cm², o que pode ser proporcionado pelos bicos de jato plano convencional ou de deriva reduzida (80.02, 80.03, 80.04, 110.02, 110.03 e 110.04), jato plano de grande ângulo (110.02, 110.03 e 110.04), jato plano com indução de ar (110.02, 110.025 e 110.03) e jato plano duplo comum (65.02, 65.03, 65.04, 80.02, 80.03, 80.04, 110.02, 110.03 e 110.04).

INTERVALO DE SEGURANÇA

Café: 15 dias
Citros: 30 dias
Milho, soja e trigo: Intervalo de segurança não determinado devido à modalidade de emprego.

INTERVALO DE REENTRADA DAS PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS

(De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana- ANVISA/MS).

LIMITAÇÕES DE USO

- GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG não deve ser aplicado sob ameaça de chuva. A eficiência do produto pode diminuir caso chova nas primeiras 4 horas após a aplicação, devido à lavagem do produto e conseqüente menor absorção pela planta.
- GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG não danifica as plantas com caules suberizados, caso os atinja.
- Para garantir final de eficiência é essencial que se utilize água limpa (sem argilas ou suspensão).
- Não aplicar GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG com as folhas das plantas infestantes cobertas de orvalho, o que pode causar o escorrimento da calda de pulverização; nem mesmo com as folhas cobertas de poeira que pode causar a inativação do produto em contato com a argila (poeira), devido ao processo de adsorção.
- Não capinar ou roçar o mato antes ou logo após aplicação de GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG.
GLIFOSATO AGRIPEC 720 WG não tem ação sobre sementes presentes no solo.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Sempre que houver disponibilidade de informações sobre programas de Manejo Integrado, provenientes da pesquisa pública ou privada, recomenda-se que estes programas sejam implementados.

O uso sucessivo de herbicidas do mesmo mecanismo de ação para o controle de mesmo alvo pode contribuir para o aumento da população da planta daninha alvo resistente a esse mecanismo de ação, levando a perda de eficiência do produto e um consequente prejuízo.
Como prática de manejo de resistência de plantas daninhas e para evitar os problemas com a resistência, seguem algumas recomendações:
- Rotação de herbicidas com mecanismos de ação distintos do grupo B para o controle do mesmo alvo, quando apropriado.
- Adotar outras práticas de controle de plantas daninhas seguindo as boas práticas agrícolas.
- Utilizar as recomendações de dose e modo de aplicação de acordo com a bula do produto.
- Sempre consultar um engenheiro agrônomo para o direcionamento das principais estratégias regionais para o manejo de resistência e a orientação técnica da aplicação de herbicidas.

Informações sobre possíveis casos de resistência em plantas daninhas devem ser consultados e, ou, informados à: Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas ( SBCPD: www.sbcpd.org), Associação Brasileira de Ação à Resistência de Plantas Daninhas aos Herbicidas ( HRAC-BR: www.hrac-br.org), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento ( MAPA: www.agricultura.gov.br).

GRUPO C HERBICIDA

O produto Glifosato Agripec 720 WG é composto por GLIFOSATO, que apresenta mecanismo de ação inibidores da EPSPs, pertence ao grupo G, segundo classificação internacional do HRAC ( Comitê de Ação à Resistência de Herbicidas).