Bula Noctovi GL - Isca Tecnologias

Bula Noctovi GL

(Z)-11-Hexadecenal (Z11-16:Ald); (Z)-9-Hexadecenal (Z9–16; Ald)
33818
Isca Tecnologias

Composição

(Z)-11-Hexadecenal 2,91 g/kg
(Z)-9-Hexadecenal 0,09 g/kg

Classificação

Armadilhas
Feromônio
4 - Produto Pouco Tóxico
IV - Produto pouco perigoso ao meio ambiente
Não inflamável
Não corrosivo
Gerador de Gás (GE)
Atração, Contato

Todas as culturas com ocorrência do alvo biológico

Helicoverpa armigera (Helicoverpa)

Tipo: Balde.
Material: Plástico.
Capacidade: 500 g; 1; 2; 5; 10; 15; 20; 25; 30; 40; 50; 100; 200 kg.

INSTRUÇÕES DE USO

MODO DE USO

O produto NOCTOVI® GL é instalado em armadilha modelo ‘DELTA plástica’ ou armadilha modelo ‘BOLA Invertida SC,’ as quais contém um dispositivo porta-isca plástico inserido no corpo da armadilha. O produto NOCTOVI® GL é instalado no interior deste dispositivo, utilizando-se de uma pistola com gatilho dosador a qual contém o tanque de recarga de 250 mL do produto.O gatilho dosador possibilita a aplicação controlada na dose determinada.
Passado o período de ação do produto, o resíduo da aplicação fica aderido no fundo do porta-isca, onde é formada uma película gelatinosa contendo o liberador (cera), a reaplicação é feita sobre essa película de forma sucessiva. Ao final da safra, os porta-iscas são retirados das armadilhas e descartado no material contaminado. As mariposas não entram em contato com o atrativo. Independentemente do tamanho da embalagem, o sistema de aplicação pode ser recarregado facilmente e diretamente da embalagem puxando o embolo da pistola com gatilho dosador.

ESPÉCIE CONTROLADA

O produto é recomendado para monitoramento de adultos de Helicoverpa armigera.

DOSES DE APLICAÇÃO

Instalar de 1 a 8 armadilhas BOLA Funil por hectare, aplicar 5 g de NOCTOVI® GL por armadilha.

NÚMERO, ÉPOCA OU INTERVALO DE APLICAÇÃO

Instalar as armadilhas logo após a emergência das plantas. Reaplicar o atrativo semanalmente.

MODO DE APLICAÇÃO

- Colocar e trocar o atrativo NOCTOVI® GL utilizando luvas.
- Instalar as armadilhas em estacas de madeira a 30 cm acima da altura das plantas.
- Semanalmente realizar a contagem dos insetos capturados.
- Todos os demais tratamentos fitossanitários sejam fungicidas, acaricidas, bem como inseticidas podem ser aplicados normalmente durante o período.

INTERVALO DE SEGURANÇA

Intervalo de Segurança não determinado devido ao modo de uso do produto e por não haver LMR (Limite Máximo de Resíduo).

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS

Não determinado devido a modalidade de emprego.

LIMITAÇÕES DE USO:

- Não aplicar em dias chuvosos.
- O uso do produto está restrito às indicações do rótulo e bula.
- Armazenar o produto em local fresco e seco.

INFORMAÇÕES SOBRE OS EQUIPAMENTOS DE APLICAÇÃO

O produto deve ser distribuído com sistema dispersor apropriado, vide modo de aplicação.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Sempre que houver disponibilidade de informações sobre MIP, provenientes da pesquisa pública ou privada, recomenda-se que estes programas sejam implementados.

Qualquer agente de controle de inseto pode ficar menos efetivo ao longo do tempo se o inseto alvo desenvolver algum mecanismo de resistência. O Comitê Brasileiro de Ação a Resistência a Inseticidas – IRAC-BR recomenda as seguintes estratégias de manejo de resistência a inseticidas (MRI), visando prolongar a vida útil dos mesmos:
- Qualquer produto para controle de inseto da mesma classe ou modo de ação não deve ser utilizado em gerações consecutivas da mesma praga.
- Utilizar somente as dosagens recomendadas no rótulo/bula.
- Incluir outros métodos de controle de insetos (ex: Controle Cultural, Biológico, etc.) dentro do programa de Manejo Integrado de Pragas (MIP), quando disponível e apropriado.