Maior produtor de milho pipoca e girassol, Campo Novo do Parecis faz 25 anos

Agronegócio

Maior produtor de milho pipoca e girassol, Campo Novo do Parecis faz 25 anos

Município do MT tem forte destaque no cenário agro
Por: -Joana
11788 acessos
Nesta quinta-feira (04), o município de Campo Novo do Parecis, no Mato Grosso, completa 25 anos de emancipação política. As comemorações, que começaram na terça-feira (02), devem seguir até o final da semana.

Situado a 384 quilômetros de Cuiabá, Campo Novo do Parecis possui uma área de 10.796,10 km², sendo 42% do território destinado às safras de grãos e pastagens. Ao Norte Mato-Grossense, a cidade fica na microrregião de Parecis e conta com 27.574 habitantes (Censo IBGE/2010).


Segundo informações da prefeitura, o município teve seu início histórico em 1907, quando o Marechal Cândido Rondon passou pela região em busca do Rio Juruena. Rondon atingiu o Rio Verde e seguiu para o norte, em busca do Salto Utiariti, criando um sítio onde a cidade nasceria mais tarde. O território foi trabalhado em duas direções pelos serviços de linha telegráfica: uma para oeste, rumando para Utiariti e Juruena, e outra para leste, em busca de Capanema e Ponte de Pedra.

A ocupação efetiva do município começou na década de setenta, quando famílias dos estados do Sul migraram para a região e se instalaram em fazendas. No princípio, a localidade se chamava apenas “Campos Novos”, confundindo-se com a estação telegráfica na região de Vilhena. Em 1981, já com o nome “Campo Novo”, foi feita uma doação de terras para formação de patrimônio. Já em 04 de julho de 1988, sob a Lei 5.315, criou-se o município com seu nome atual, Campo Novo do Parecis.

Agricultura
Com a migração de famílias da região Sul do país, Campo Novo do Parecis se desenvolveu principalmente através da agricultura. Com uma forte produção de grãos, a cidade se destacou na produção de girassol e de milho pipoca, sendo considerada o maior produtor nacional das duas culturas.


Segundo dados do Sindicato Rural, a produção de milho pipoca está estimada em 80 mil toneladas, cultivadas em 20 mil hectares. Já o girassol, que vem tomando áreas que eram destinadas ao milho safrinha, deve bater as 63 mil toneladas, cultivadas em 35 mil hectares.

Já os tradicionais soja e milho, o município fica em terceiro lugar. A produção de oleaginosa 2012/13 foi superior a 1.170 mil toneladas, cultivados em 355 mil hectares. Já o milho safrinha deve chegar em 840 mil toneladas, provenientes de 140 mil hectares.

Além destas culturas, Campo Novo do Parecis produz algodão em duas safras, cana-de-açúcar, sorgo, arroz, painço, milheto, crotalária e pastagens, abrigando um rebanho de 60 mil cabeças de gado. Também gera grande renda com agroindústrias e turismo rural. 


Parecis SuperAgro - a superação
Visto a importância econômica do setor agro, é realizado anualmente desde 2008 a Parecis SuperAgro, já consolidada como o maior evento tecnológico e comercial do Estado. Neste ano, os negócios atingiram a cifra de R$62 milhões, 40% superior aos números de 2012.

Também  nesta edição, o evento e o município entraram para o Guinness World Records com o maior saco de pipoca do mundo, recorde que antes era defendido pela Croácia. A caixa foi criada com capacidade de 60,88m³, onde acolheram o resultado proveniente de 3.045 quilos de milho e 900 litros de óleo. A idéia de bater o recorde foi do coordenador e gerente do Sindicato Rural, Antônio de La Bandeira.

O Portal Agrolink parabeniza Campo Novo do Parecis pela data e pela sua grande importância para a agricultura do país!
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink