"Situação da Europa com transgênicos é esquizofrênica"

ESPECIALISTA

"Situação da Europa com transgênicos é esquizofrênica"

Foi isso que afirmou Pilar Carbonero Professora Emérita de Bioquímica e Biologia Molecular da UPM
Por: -Leonardo Gottems
364 acessos

Em uma entrevista exclusiva realizada pela Royal Academy of Engineering, Pilar Carbonero Professora Emérita de Bioquímica e Biologia Molecular da Faculdade de Engenharia Agrícola da Universidade Politécnica de Madri (UPM) afirmou que a situação da Europa com os transgênicos é uma “esquizofrenia intolerável”. De acordo com ela o medo dos transgênicos não se justifica. 

“Eles têm os mesmos riscos que qualquer outra planta", diz. Ele acrescenta que o medo é o resultado da propaganda vendida como proteção ao agricultor local. "Pensar que vamos alimentar 10 bilhões de pessoas com agricultura orgânica menos produtiva é um absurdo”, completa a professora. 

Ela explica que, se tudo ocorrer aos níveis em que estamos vendo hoje, em 2050, seremos 10 mil milhões de pessoas, o que representa um desafio muito importante de escassez de terras agrícolas e de água, com a necessidade de fazer duas colheitas por ano. Nesse cenário,  Cabronero reconhece que esses desafios implicam a necessidade de fazer um esforço em todos os níveis, não só agronomicamente. 

"Será necessário modificar a fisiologia das plantas com toda a tecnologia que temos à nossa disposição. A engenharia genética (biotecnologia) e a edição de genomas serão uma parte importante. O que está acontecendo agora na Europa com plantas transgênicas é uma esquizofrenia intolerável", comenta. 

Ela afirma que barreiras estão sendo feitas, tornando praticamente impossível para um agricultor europeu cultivar plantas geneticamente modificadas, enquanto grandes quantidades de milho e soja vão diretamente para as fábricas de ração para alimentar o gado. Como solução, a professora defende a legislação com base científica focada no produto final e não na metodologia utilizada.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink