A partir de 1º de outubro está liberado o plantio de soja no TO
CI
Agronegócio

A partir de 1º de outubro está liberado o plantio de soja no TO

Unidades regionais estão se preparando para o levantamento da área
Por:
Termina no próximo dia 30 de setembro o vazio sanitário no Estado do Tocantins, e a partir desta data, está liberado o plantio de soja da safra 2012/2013. Nesse período, os produtores deverão procurar um Escritório da Adapec – Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Tocantins de seu município, até 30 dias antes da semeadura para cadastrar a área a ser plantada.

Segundo o responsável de Divisão de Grandes Culturas da Adapec, Raimundo Agostinho Mariano, as unidades regionais estão se preparando para o levantamento da área a ser plantada de soja para a safra 2012/2013 no Tocantins, objetivando o monitoramento da ferrugem asiática da oleaginosa.

A ferrugem da soja também conhecida como ferrugem asiática é uma doença causada por fungo e os primeiros sintomas se manifestam nas folhas com o aparecimento de minúsculos pontos escuros. Posteriormente ao aparecimento das lesões ocorre a desfolha da planta que evita a formação dos grãos com redução da produtividade. “O desenvolvimento da doença é extremamente rápido e ela se espalha com facilidade pelo vento, causando grandes prejuízos à produção,” explicou Mariano.

Na safra de 2011/2012 o Tocantins plantou uma área de 407.600 hectares de soja, obtendo uma produção de 1.246.380 toneladas, com rendimento médio de 3.058 quilos/hectares. Em valores, a produção da soja tocantinense foi avaliada em mais de duzentos e dezoito milhões de reais, segundo dados do IBGE/2012.

Além do Tocantins, os estados de Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Mato Grosso do Sul e o Distrito Federal também estarão liberados para o plantio da soja a partir do dia 1º de outubro. Este período de plantio é regulamentado pelo MAPA - Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento por meio de Instrução Normativa.

Vazio Sanitário

O Tocantins plantou neste ano, uma área de 35.106,69 hectares de soja nas várzeas tropicais para produção de sementes com uma produtividade média de 2,5ton./hectares obtendo uma produção de 87.766,72 toneladas. Do total da área plantada 80% já foi colhida, o que corresponde a 28.085,35 hectares.

Nas várzeas, a Adapec realizou o monitoramento da ferrugem asiática em 100% da área plantada. Sendo realizadas 493 fiscalizações, emissão de 209 laudos e realizadas 626 amostras, sendo que em apenas 05 foram positivas para a ferrugem asiática.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink