Carne bovina

Abrafrigo contesta rejeição chinesa a 14 frigoríficos para exportação de carne bovina

Entidade irá encaminhar ao Ministério da Agricultura (MAPA) um pedido para que examine esta situação
Por:
14 acessos

O anúncio pelo governo chinês através da CNCA – Administração de Certificação e Acreditação da China, de que um total 36 frigoríficos brasileiros tiveram seus pedidos de autorização de exportação para aquele país negados, entre os quais 14 plantas de abate de bovinos, foi contestado pela Associação Brasileira de Frigoríficos (ABRAFRIGO) para quem “não há irregularidades nestas empresas já que foram feitas correções pela maioria delas nos pedidos apresentados ao governo chinês ainda em 2016”.

“O que ocorreu como os frigoríficos de bovinos rejeitados foi que muitos deles apresentaram documentação pedindo habilitação também para a exportação de miúdos de bovinos e carne com osso, produtos que não constam do protocolo bilateral assinando entre o Brasil e a China. Isso foi constatado ainda no ano passado e a documentação foi corrigida pela maioria das empresas. Imaginamos que os chineses fizeram sua avaliação com base apenas na primeira listagem, sem as correções”, disse o Presidente Executivo da Abrafrigo, Péricles Salazar. Segundo ele, a entidade irá encaminhar ao Ministério da Agricultura (MAPA) um pedido para que examine esta situação já que “não há motivos para o veto se a análise for realizada com base na segunda listagem enviada pelo Brasil ao governo chinês”.

Segundo informou o Ministro da Agricultura, Blairo Maggi, o governo chinês anunciou também que outras 22 plantas de frigoríficos brasileiros serão autorizadas a vender seus produtos para o mercado chinês, sendo 11 delas de carne bovina, elevando para 76 as unidades autorizadas a exportar para aquele país.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink