Abrapa retorna da Ásia com bons resultados na bagagem
CI
Agronegócio

Abrapa retorna da Ásia com bons resultados na bagagem

Entre os dias 22 de novembro e 1º de dezembro, uma comitiva liderada pela Abrapa visitou fiações e indústrias de países como a Coréia do Sul, Taiwan e Hong Kong
Por:
A Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa) foi novamente à Ásia divulgar o potencial da pluma brasileira. Entre os dias 22 de novembro e 1º de dezembro, uma comitiva liderada pela Abrapa visitou fiações e indústrias de países como a Coréia do Sul, Taiwan e Hong Kong. A Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) também se fez representada pelos produtores João Carlos Jacobsen, vice-presidente da Abrapa, Walter Horita e Paulo Kenji Shimohira.


Em Seul, capital da Córeia, a comitiva visitou uma fiação e a Abrapa ofereceu um jantar em homenagem a Yun Seek Kim, Diretor da Associação de Comércio Internacional da Coréia do Sul e principal articulador do algodão brasileiro no país. Mr. Kim recebeu uma placa condecorativa, como a personalidade do ano do algodão, homenagem máxima concedida pela Abrapa.


“Esta homenagem é um reconhecimento a quem tanto se esforçou para auxiliar o Brasil a divulgar seu algodão no mercado asiático. Muitas das portas que foram abertas para nosso algodão lá fora, devem-se a pessoas como Mr. Kim”, comenta Jacobsen.

A Coreia do Sul responde hoje pelo consumo de 230 mil toneladas/ano de algodão. Estima-se que 50% desse volume seja fornecido pelo Brasil. “Na Coréia tivemos contato com cerca de 40 indústrias. Em visita a uma dessas indústrias conhecemos na prática como nosso algodão é utilizado. Ouvimos dos engenheiros quais as características que eles procuram em suas indústrias. O algodão produzido na Bahia foi muito elogiado”, diz João Carlos.


“Produzimos no país um algodão de altíssima qualidade. Temos mercado para expansão e condições de aumentar ainda mais o volume de negócios com o mercado consumidor de algodão em países como a Coreia e outros do continente asiático”, acrescenta.

A comitiva brasileira também passou por Taipei, onde participou de um jantar de negócios com 60 empresários de indústrias locais. Jacobsen conta que o grupo se mostrou bastante interessado pelo algodão brasileiro, especialmente o baiano.

O comitiva brasileira que foi a Ásia contou com presidente da Abrapa, Sérgio De Marco, os vice-presidentes, Gilson Pinesso, Eduardo Legemann e João Carlos Jacobsen, o diretor executivo, Marcio Portocarrero e os demais membros da diretoria da entidade, presidentes e representantes de Associações Estaduais: Paulo Kenji Shimohira, Walter Yukio Horita, Arlindo Moura, Inácio Carlos Urban, Darci Agostinho Boff, Carlos Ernesto Augustin e Ronaldo Spirlandelli de Oliveira. Também integraram a comitiva, representando o governo brasileiro, os deputados federais Oziel Oliveira (PDT-BA) e Neri Geller (PP-MT), membros da Frente Parlamentar da Agricultura e da Comissão da Agricultura no Congresso Nacional.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.