Acordo São Martinho-CASE IH favorece avanço do setor sucroenergético
CI
Agronegócio

Acordo São Martinho-CASE IH favorece avanço do setor sucroenergético

"Acordo é estratégico em um momento em que a indústria procura formas de reduzir custos e otimizar processos agrícolas e industriais"
Por:
Uma parceria anunciada no início de 2012 entre o grupo São Martinho e a CASE IH, para o desenvolvimento de máquinas e equipamentos dedicados ao cultivo da cana-de-açúcar, é um importante passo para aumentar a produtividade do setor sucroenergético no entendimento da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA). Para Alfred Szwarc, consultor em Emissões e Tecnologia da entidade, o acordo é estratégico em um momento em que a indústria procura formas de reduzir custos e otimizar processos agrícolas e industriais.

“A utilização de novas tecnologias específicas para o setor ajudará, por exemplo, a diminuir o volume de resíduos da colheita de cana e a separação da palha para cogeração de energia elétrica, que ainda oneram os custos de produção das usinas,” avalia o executivo da UNICA. Ele explica que, hoje, um dos desafios para aumentar a produção de bioeletricidade nas usinas é o melhor aproveitamento da palha da cana, que por meio de processos industriais nas usinas pode ser separado e se somar ao bagaço como matéria-prima.

De acordo com informações da CASE IH, empresa do grupo FIAT, e do Grupo São Martinho, associado à UNICA, o acordo prevê cooperação para desenvolver melhorias em tratores, colhedoras, pulverizadores, plantadoras, equipamentos de agricultura de precisão, telemetria e controle de frota. “A parceria reforça nossa cultura de inovação e comprova nossa posição de pioneirismo em mecanização no campo, que é essencial para nossa eficiência operacional,” ressalta Fábio Venturelli, presidente do Grupo São Martinho.

Segundo Mirco Romagnoli, vice-presidente para a América Latina da divisão do Grupo FIAT dedicada à fabricação de máquinas agrícolas, o relacionamento entre a multinacional italiana e o grupo sucroenergético brasileiro já dura mais de 20 anos. “A São Martinho é parceira antiga da CASE e, com a assinatura deste acordo, estabelecemos as bases para uma cooperação mútua e eficaz para aperfeiçoar o sistema produtivo da cana,” explica. Atualmente, o Grupo São Martinho já utiliza quase 100% de equipamentos da CASE.

FIAT no setor

Em maio do ano passado, durante a 18ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação (Agrishow), em Ribeirão Preto (SP), a IVECO, subsidiária da FIAT especializada na fabricação de veículos pesados, apresentou o motor bicombustível do Trakker Bi-Fuel. Trata-se de um caminhão canavieiro de 63 toneladas, que permite redução no consumo do óleo diesel mineral pela adoção do combustível renovável brasileiro. O protótipo do veículo, que pode operar exclusivamente com diesel ou na proporção 60% diesel e 40% etanol, segue em testes na usina da Barra, unidade do Grupo Raízen em Barra Bonita, município de SP.

O Centro de Tecnologia Canavieira (CTC), referência mundial em pesquisa e desenvolvimento de tecnologias agroindustriais para o segmento sucroenergético, também mantém um acordo de cooperação com a New Holland, fabricante de implementos com foco nas áreas agrícola, industrial e de construção civil, também ligada ao Grupo FIAT. Desde o início de 2011, as duas empresas desenvolvem um novo método para fazer o chamado enfardamento da palha de cana. A palha ainda é pouco utilizada pelas usinas na geração de bioeletricidade, mas no futuro deve ter papel relevante no desenvolvimento do etanol celulósico, também chamado de etanol de segunda geração.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.