Açúcar: contratos futuros fecham mistos nas bolsas internacionais
CI
Imagem: Divulgação
AGRICULTURA

Açúcar: contratos futuros fecham mistos nas bolsas internacionais

NY fecha abaixo dos 19 cts/lb
Por:

Os contratos futuros do açúcar fecharam a quinta-feira (14) mistos nas bolsas internacionais. Em Nova York, o açúcar bruto, fechou no vermelho em todas as telas, enquanto em Londres, o açúcar branco avançou nos três primeiros lotes e fechou desvalorizado nas demais telas. Segundo analistas ouvidos pela Reuters, "é difícil ver o açúcar avançando muito com o índice do dólar permanecendo próximo às máximas de 20 anos". Eles acrescentaram, no entanto, "que o aperto de curto prazo no açúcar branco, ligado em parte às restrições de exportação da Índia, deve limitar as perdas em matérias-primas".

Em Nova York, na ICE Futures, a commodity foi negociada ontem, no vencimento outubro/22, a 18,97 centavos de dólar por libra-peso, desvalorização de 17 pontos, ou 0,9% no comparativo com os preços da véspera. Já a tela março/23 recuou 14 pontos, com negócios em 19,12 cts/lb. Os demais vencimentos recuaram entre 11 e 14 pontos.

Veja as cotações de açúcar aqui

Ainda segundo a Reuters, a consultoria StoneX cortou sua estimativa de superávit de oferta global em 2022/23 em 800 mil toneladas para 3,3 milhões de toneladas devido principalmente a cortes na produção nos Estados Unidos e em Cuba.

Londres

Em Londres o açúcar branco, no vencimento agosto/22 fechou comercializado ontem a US$ 595,60 por tonelada, alta de 7,40 dólares, ou 1,3%, no comparativo com o dia anterior. As telas outubro e dezembro/22 subiram, respectivamente, US$ 2,60 e US$ 0,40 por tonelada. Os demais vencimentos fecharam no vermelho entre 1 e 3,10 dólares.

Mercado doméstico

No mercado interno a quinta-feira foi de alta nas cotações do açúcar cristal medidas pelo Indicador Cepea/Esalq, da USP. A saca de 50 quilos foi negociada ontem a R$ 127,51 contra R$ 127,11 de quarta-feira, valorização de 0,31% no comparativo entre os dias. No mês o indicador acumula alta de 0,35%.

Etanol hidratado

Pelo terceiro dia consecutivo as cotações do etanol hidratado se mantiveram em baixa pelo Indicador Diário Paulínia. Ontem o biocombustível foi vendido pelas usinas a R$ 3.030,50 o m³, contra R$ 3.037,50 o m³ praticado no dia anterior, desvalorização de 0,23% no comparativo.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.