Açúcar segue em alta devido à incerteza da produção
CI
Imagem: Eliza Maliszewski
NOVA YORK

Açúcar segue em alta devido à incerteza da produção

“A expectativa de boa oferta do adoçante, em contrapartida, contribuiu para conter os ganhos"
Por: -Leonardo Gottems

O açúcar mundial de maio de NY #11 (SBK22) fechou em alta de +0,57 (+2,87%), a 20,41 cents por libra- peso, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “O açúcar branco de maio de Londres #5 (SWK22) fechou em alta de +11,70 (+2,13%), a US$ 560,40 a tonelada”, comenta.

“Os preços do açúcar nesta sexta-feira estenderam o rali de quinta-feira, com o açúcar de NY subindo para uma alta de 4-3/4 meses e o açúcar de Londres registrando uma alta de 1-1/2 semana. O açúcar subiu acentuadamente esta semana com a perspectiva de que as usinas de açúcar do Brasil produzam menos açúcar este mês”, completa.

Além disso, de acordo com Agro News (Broadcast Agro), na avaliação do banco alemão Commerzbank, os preços do adoçante também sobem com a expectativa de demanda recorde na Índia. “Segundo a Associação Indiana das Usinas de Açúcar (Isma, na sigla em inglês) a demanda pelo produto no país deve crescer 3% em relação ao ano anterior, atingindo um recorde de 27,2 milhões de toneladas no atual ano comercial 2021/22, que vai até o fim de setembro. O banco destaca que as exportações de açúcar da Índia também devem registrar um nível recorde. A valorização do petróleo na sessão de hoje também deu suporte às cotações”, indica.

“A expectativa de boa oferta do adoçante, em contrapartida, contribuiu para conter os ganhos. Segundo o Rabobank, a safra global 2022/23 de açúcar deve registrar superávit de 2,5 milhões de toneladas, principalmente por conta da produção na Ásia, no Brasil e na União Europeia. A expectativa é de alta de 2,2% na oferta global e aumento menor, de 0,8%, para o consumo na próxima temporada. O banco espera que a moagem da safra do Centro-Sul do Brasil alcance 560 milhões de toneladas, com mix de 45% para o açúcar e produção de 33,6 milhões de toneladas do adoçante”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.