Agronegócio

África do Sul publica novas regras para importação de carne de frango

Em 2012, o Brasil exportou 186 mil toneladas, gerando receita de US$ 156 milhões
Por:
648 acessos
Foi publicada no dia 01/02, no Diário Oficial da África do Sul a nova tabela de tarifas de importação para cinco linhas de produtos de carne de frango (carcaças, frango inteiro, cortes com osso, cortes desossados e miúdos).
 
Tarifas aplicadas pela África do Sul na importação de carne de frango
Produto Tarifa de Importação antiga Tarifa de Importação nova
Carcaças de frango 27% 31%
Frango inteiro 27% 82%
Cortes de frango desossados 5% 12%
Fígados, corações e miúdos de frango 27% 30%
Cortes de frango com osso ZAR 2.20/Kg* 37%
*Equivalente a 23% se aplicada às importações deste produto oriundas do Brasil em 2012.
Fonte: International Trade Centre (ITC), Government Gazette N°36876, R.715, 2013-09-30

O Brasil é o maior fornecedor externo de carne de frango para a África do Sul. Em 2012, o Brasil exportou 186 mil toneladas, gerando receita de US$ 156 milhões. Parte importante destas exportações serão afetadas pelo aumento das tarifas sul-africanas.
 
“Se considerarmos os volumes exportados nos últimos dois anos, estimamos que as exportações brasileiras pagarão cerca de US$ 15 milhões a mais de tarifa por ano para entrar no país. Além disso, podemos perder algo próximo de US$ 50 milhões anuais de participação de mercado para os europeus, pois a União Europeia e a África do Sul possuem acordo comercial bilateral, que permite que a carne de frango da Europa entre na África do Sul com zero de tarifa de importação” explica Ricardo Santin, diretor de Mercados da União Brasileira de Avicultura (UBABEF).

 
“Os exportadores brasileiros, além dos importadores, processadores e distribuidores da África do Sul, sofrerão graves danos com a medida, mas sem dúvida nenhuma o mais prejudicado será o consumidor sul-africano, que terá menos acesso a uma fonte de proteínas saudável e de alta qualidade, que é a carne de frango do Brasil”, complementa Francisco Turra, presidente da UBABEF.
 
A carne de frango importada do Brasil foi alvo de investigação de dumping feita pelas autoridades sul-africanas entre 2011 e 2012, cujo desfecho foi a não aplicação de taxas de dumping à entrada de produtos brasileiros. Descontentes com esse resultado, algumas empresas de carne de frango da África do Sul solicitaram ao governo o aumento das tarifas, o que foi atendido pela publicação de ontem.



 
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink