Café

Agentes recuam e ritmo de negócios do café diminui ainda mais

Insatisfeitos com os preços no físico, muitos vendedores voltam suas atenções às lavouras
Por:
285 acessos

A retração de agentes do mercado cafeeiro foi intensificada na semana passada, principalmente devido ao feriado de Finados, no dia 2. Insatisfeitos com os preços no físico, muitos vendedores voltam suas atenções às lavouras. Já os compradores consultados pelo Cepea reduziram suas aquisições, atentos aos estoques confortáveis nos países consumidores e à perspectiva de uma boa safra 2018/19.  

Nesse cenário, o Indicador CEPEA/ESALQ do café arábica tipo 6 bebida dura para melhor, posto na capital paulista, fechou a R$ 449,09/saca de 60 kg nessa terça-feira, 7,  queda de 0,46% em relação à terça anterior, 31. Quanto ao robusta, estimativas de boa produção para a safra 2018/19 também têm diminuído o ritmo de negociação, pressionando as cotações no mercado físico. Os preços da variedade também têm sido influenciados pelas quedas externas, que, por sua vez, estão atreladas à aproximação da colheita no Vietnã.

Nessa terça-feira, 7, o Indicador CEPEA/ESALQ do robusta tipo 6 peneira 13 fechou a R$ 357,90/sc de 60 kg, forte queda de 3,97% em relação à terça anterior, 31.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink