Agronegócio

Agronegócio do Tocantins tem balanço positivo

O rebanho tocantinense cresceu 50% e a safra de grãos está perto de atingir 1 milhão de toneladas
Por: -Antônio Oliveira
1 acessos

O governador eleito do Tocantins, Marcelo Miranda, reuniu a imprensa na manhã dessa quarta-feira (20-12), no auditório do Hotel Rio Sono, em Palmas, para um balanço dos seus primeiros quatro anos de governo. De acordo com ele, houve avanços em todos os setores e se algum projeto prometido para esta gestão ficou sem ser realizado, isto se deve a circustâncias alheias à sua vontade, "mas que nos próximos quatro anos, nós os resgataremos", disse ele.

Na área de agronegócios, o balanço, ainda de acordo com Miranda, é altamente positivo, não obstante a crise que afetou o setor em todo o Brasil. "Foram mais de 300 mil empregos gerados na agricultura familiar e empresarial".

"O rebanho tocantinense cresceu 50% e a safra de grãos está perto de atingir 1 milhão de toneladas", comemourou, ainda, o Chefe do Executivo tocatinense, acrescentando que as exportações de produtos do Estado ganharam novos mercados externos, como a Rússia, acumulando um crescimento de mais de 400%.

O Tocantins tem sido alvo das atenções de empresários de todo o Brasil e do mundo que desejam investir na produção de bioenergia. Só de áreas degradadas, propícias à cultura de vegetais, o Estado conta com mais de 6 milhões de hectares. Assim, Marcelo Miranda lembrou aos jornalistas que, até o momento, 16 grupos estão interessados em investir em plantas industriais e na cultura da cana-de-açúcar em diferentes regiões tocantinenses. "Uma usina já está em pleno funcionamento em Arraias (sudeste do Estado)".

O Governador relatou ainda que o Tocantins também tem atraído investidores para a produção de biodiesel, tendo como matérias-prima, a mamona, o pinhão-manso, o babaçú, entre outros. Como exemplo, ele citou a empresa Brasil Ecodiesel que está concluindo uma planta industrial no município de Porto Nacional e pequenas usinas de produção de etanol, a partir da batata-doce, fruto de pesquisas desenvolvidas pela Universidade Federal do Tocantins, em parceria com o Instituto Ecológica (ONG tocantinense) e a Secretaria de Agricultura do Estado.

Cerrado Rural

Na oportunidade, como ocorreu em semelhante evento no ano passado, este editor entregou ao governador Marcelo Miranda um exemplar da encadernação das edições de 2006 da revista Cerrado Rural Agronegócios.

O Governo do Tocantins tem sido, ao longo desses mais de 3 anos de existência da Revista, importante parceiro na promoção e integração do agronegócio no Estado e nas regiões oeste da Bahia e sul do Maranhão- as mais novas fronteiras agrícolas de cerrado do Brasil, formando um dos mais importantes celeiros do Brasil. Essa encadernação, em tiragem limitada, será disponibilizada, a partir de janeiro, para venda via reebolso postal.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink