Agropecuária de baixo carbono é o tema da Agrotins 2011

Agronegócio

Agropecuária de baixo carbono é o tema da Agrotins 2011

A Agrotins 2011 acontece de 10 a 14 de maio, no Centro Agrotecnológico de Palmas
Por:
1869 acessos
Com o objetivo de divulgar o Plano de Agricultura de Baixo Carbono (ABC) ao setor produtivo agrosilvopastoril do Estado do Tocantins, o Grupo Gestor Estadual do programa ABC realiza, no próximo dia 27 de abril, o Seminário de Sensibilização do Plano ABC. O evento acontece a partir das 8 horas, no auditório da Fecomércio-Sesc (Av. Joaquim Teotônio Segurado, Quadra 301 Norte - Palmas – Tocantins).

Durante o Seminário serão realizadas palestras sobre a filosofia do programa e quatro eixos básicos: Recuperação de Pastagens Degradadas, Integração Lavoura Pecuária, Plantio Direto e Fixação Biológica de Nitrogênio.

O assunto é tema da Agrotins 2011, promovida pela Seagro - Secretaria da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário do Tocantins, e que acontece de 10 a 14 de maio, no Centro Agrotecnológico de Palmas. A Seagro é parceira do evento na Fecomércio.

Leia mais sobre a Agrotins: www.agrotins.to.gov.br

Programa

O Programa Agricultura de Baixo Carbono foi instituído pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em junho de 2010. A iniciativa quer aliar produção de alimentos e bionergia com redução dos gases de efeito estufa. As ações do programa ABC estão inseridas no Plano Agrícola e Pecuário 2010/2011 e prevêem aplicação de R$ 2 bilhões em técnicas que garantem eficiência no campo, com balanço positivo entre sequestro e emissão de dióxido de carbono (CO2).

No Tocantins, compõem o Grupo Gestor Estadual do Programa a Superintendência Federal da Agricultura (SFA/TO), Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras no Tocantins e Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado (OCB/TO e Sescoop/TO), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Secretaria Estadual de Agricultura e Pecuária (Seagro), Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado (Ruraltins), Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (Faet) e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Tocantins (Senar-TO).

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink