Algodão transgênico da Monsanto enfrenta resistência

Agronegócio

Algodão transgênico da Monsanto enfrenta resistência

Segundo a multinacional, o algodão Bt foi desenvolvido com objetivo de proteger lavouras do ataque de insetos e praga
Por:
1 acessos

O Ministéio do Meio Ambiente vai recorrer contra a decisão da Comissão Técnica Nacional de Biosseguran a (CTNBio) de liberar a comercialização e o plantio de sementes de algodão geneticamente modificado da Monsanto. O recurso será apresentado provavelmente na semana que vem. O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) seguirá o mesmo caminho.

Na ação, irá alegar ausência do estudo de impacto ambiental. Nessa semana, a CTNBio autorizou o plantio comercial da variedade "Bollgard". Em nota, a Monsanto informa que aguarda os registros da variedade no Ministério da Agricultura para comercialização no mercado nacional. Segundo a multinacional, o algodão Bt foi desenvolvido com objetivo de proteger lavouras do ataque de insetos e pragas.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink