Alltech terá primeira planta de algas do Brasil
CI
Agronegócio

Alltech terá primeira planta de algas do Brasil

Alltech adquiriu uma fábrica em Indaiatuba, no interior de São Paulo
Por:

Em 2014, a Alltech, empresa líder em nutrição animal e vegetal, tem por objetivo colocar em prática seu projeto de desenvolvimento estratégico a fim de atender às demandas crescentes do agronegócio brasileiro, setor responsável por mais de 20% do PIB do país, com previsão de aumento de cerca de 3% apenas neste ano.

Visando este objetivo, a Alltech adquiriu uma fábrica em Indaiatuba, no interior de São Paulo, com área de 7.300 m², que irá adotar a produção de algumas tecnologias que atualmente são produzidas na planta de São Pedro do Ivaí. “A Alltech do Brasil exporta para todos os países da América Latina e mais 80 ao redor do mundo. Com esta aquisição, a empresa prevê um crescimento em faturamento de 27% em apenas um ano.”, avalia Guilherme Minozzo, Vice-presidente para América Latina.

A Alltech está posicionada no mercado mundial como uma empresa pioneira no lançamento de soluções biotecnológicas naturais para nutrição animal e vegetal, e para manter a posição de liderança mantém investimentos em ciência e tecnologia que agregam vantagens ao produtor rural e agroindústria. Para tanto, há mais de cinco anos, a Alltech passou a investir esforços em pesquisas com foco em algas. Em 2010, foi implantada uma planta de Algas em Winchester, Kentucky, EUA, e após quatro anos, o investimento veio para o Brasil.

No dia 10 de junho, a Alltech irá celebrar o marco do início da construção da planta fabril de algas, a primeira com tecnologia de ponta voltada à produção de matéria prima para ração animal do Brasil e também a ampliação da fábrica com o investimento de novas tecnologias. O evento será na maior fábrica de leveduras do mundo para nutrição animal, em São Pedro do Ivaí, no interior do Paraná e contará com a presença da imprensa, convidados especiais, clientes e autoridades do governo.

O objetivo é aumentar ainda mais a produção local e alcançar novos mercados com a tecnologia das algas. “Já superamos a meta de crescimento da Alltech para o Brasil do primeiro trimestre. Estes novos projetos farão a diferença não apenas para a empresa, mas para o Paraná e o Brasil”, finaliza Minozzo.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink