Alternativa de renda para pequenos produtores do Norte de Minas

Agronegócio

Alternativa de renda para pequenos produtores do Norte de Minas

Por:
197 acessos

Realizado pelo Senar Minas de 06 a 10 de abril em Montes Claros, pela primeira vez, o curso de Transformação de Produtos de Origem Animal em Embutidos e Defumados. As aulas foram ministradas nas dependências do Parque de Exposições João Alencar Ataíde, onde uma cozinha industrial foi disponibilizada pelo Sindicato dos Produtores Rurais para as aulas práticas.

Dona Luzia Ferreira Lopes de 72 anos, foi uma das doze pessoas, que fizeram o curso. Ela, que já produz em sua fazenda, linguiça de carne suína, queria aprender a defumar a carne de porco. Segundo ela, para agregar mais valor a sua produção, pois além da linguiça agora vai poder comercializar outros produtos como costelinha defumada e bacon.

Para Patrícia Andrade Freitas, estudante de zootecnia, filha de produtores do município de Capitão Enéas, conhecer os cortes do porco vai ser muito útil para ela, pois estes conhecimentos vão ajudá-la em sala de aula. Ela também vai repassar o que aprendeu no curso a seus pais e aos funcionários da fazenda, para que possam produzir os defumados e embutidos em maior quantidade.

Segundo o casal, Raul Souto Barbosa e Maria Luzia Veloso Prates, eles aguardavam a meses a oportunidade de frequentar o curso. São proprietários de uma fazenda perto de Montes Claros e agora vão poder produzir e comercializar a produção em maior escala. “Com os produtos defumados, vamos poder fazer maior estoque, pois os produtos não correm perigo de estragar, podendo ficar alguns dias estocados”.

Maria das Mercês Gonçalves, produtora de queijo, com venda garantida a vários anos, buscou o curso para aprender a produzir defumados, produtos que pretende comercializar, a exemplo dos seus queijos, que já tem fornecedores e consumidores certos. Conforme o instrutor do Senar, Júlio César Magalhães Fernandes, durante as aulas contou com grande interesse da turma, que deixaram até de viajar no feriadão da Semana Santa para fazer o curso, que teve aulas até na sexta-feira da Paixão.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink