Ampliação do seguro rural anima agronegócio paranaense
CI
Agronegócio

Ampliação do seguro rural anima agronegócio paranaense

Estado lidera número de adesões
Por:
Brasil libera R$ 400 mi para proteção de safra; Estado lidera número de adesões

A liberação do governo federal de R$ 400 milhões para o seguro rural neste ano foi recebida com otimismo no Estado. Segundo o economista da Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep), Pedro Loyola, o incremento de R$ 82 milhões em relação ao ano passado mostra que há uma preocupação do governo com o setor produtivo. A única reclamação do especialista é com relação à data de liberação dos recursos, já que normalmente a maior parcela é fornecida somente no final do ano.


"Pedimos para este ano que a liberação seja contínua, principalmente em períodos em que os produtores mais necessitam, como na época de preparação de safra", enfatiza Loyola. O economista explica que o Estado está atendendo à reivindicação dos produtores. A última, conta ele, foi a ampliação da abrangência do seguro de três para 29 culturas. Segundo informações divulgadas pela Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento (Seab), para atender a demanda, o governo do Estado alocou R$ 6,4 milhões para dar suporte às operações.

Loyola afirma que essa conquista era uma reivindicação do setor, já que o seguro estava favorecendo somente a produção de milho e trigo. Atualmente, o Estado atende 1,6 mil produtores. Com a adição de novas culturas, a meta é beneficiar 6 mil agricultores. "Os pequenos produtores, principalmente os de frutas e hortaliças, deverão ser os mais beneficiados", salienta o economista. Loyola completa que a ideia é massificar o seguro rural não só no Paraná, mas também em todo Brasil.


O economista da Faep comenta que o Paraná é líder em número de contratos em seguro rural. "O produtor paranaense é consciente", acrescenta Loyola. Só no ano passado, foram efetuadas 22.666 apólices de seguro no Estado, ante 21.561 contratos assinados em 2011. O total da área segurada no Paraná em 2012 foi superior a 1,74 milhão de hectares, contra um pouco mais de 1,63 milhão de hectares referente ao ano anterior.

O prêmio ofertado em 2012 no Estado foi superior a R$ 165 milhões, contra R$ 127 milhões referente ao ano anterior. Em subvenção, foram ofertados para os produtores paranaenses no ano passado mais de R$ 96 milhões, contra pouco mais de R$ 70 milhões oferecidos em 2011. Em todo o Brasil, a demanda das seguradoras em 2012 foi de R$ 717 milhões, cerca de R$ 191 milhões a mais do que há dois anos.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.