Antonio Anastasia destaca crescimento do agronegócio em Minas
CI
Agronegócio

Antonio Anastasia destaca crescimento do agronegócio em Minas

Durante feira agropecuária em Governador Valadares, Antonio Anastasia afirma que desenvolvimento regional deve ser “obsessão dos bons governos”
Por: -Janice

Durante feira agropecuária em Governador Valadares, Antonio Anastasia afirma que desenvolvimento regional deve ser “obsessão dos bons governos”

O governador Antonio Anastasia ressaltou os avanços de Minas Gerais na área do agronegócio nos últimos oito anos. Durante encerramento da 41ª Exposição Agropecuária de Governador Valadares – Expoagro, no último domingo (18), Antonio Anastasia destacou que os investimentos do Estado em estradas, energia elétrica, telefonia celular e saneamento básico contribuíram de forma decisiva para o desenvolvimento do setor.

Dados do Centro Avançado em Economia Aplicada (Cepea), da USP, projetam crescimento no Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio mineiro de 7,3% em 2010, o que representará resultado recorde. O agronegócio mineiro fechará o ano com participação de 12,2% do PIB do agronegócio nacional.

“O poder público é responsável em permitir a infraestrutura necessária tanto na economia como no social. O governador tem que apoiar a infraestrutura nas estradas, na educação, na saúde, na segurança. Temos que avançar mais”, disse.

Durante sua visita à cidade, o governador autorizou o início das obras de pavimentação do acesso ao distrito de Nova Floresta e a elaboração de projeto básico para construção de um gasoduto para atender a indústria da região. A soma dos investimentos previstos é de cerca de R$ 168 milhões.

“O desenvolvimento regional deve ser sempre uma obsessão dos bons governos, que têm no planejamento a sua principal sustentação”, afirmou Antonio Anastasia.

PIB Recorde

De acordo com o Cepea, o PIB mineiro do agronegócio deverá atingir a marca de R$ 89,6 bilhões. Este será o maior valor já registrado pelo PIB do agronegócio de Minas Gerais. A participação de Minas no cenário nacional em 2003 era de 9,3%. O estudo do Cepea contempla toda a cadeia produtiva do setor: produção básica, agroindústria, insumos e distribuição.

Os resultados positivos foram observados também nas exportações, que cresceram 21,4% no primeiro semestre em relação ao mesmo período do ano passado, para US$ 3,1 bilhões. No mesmo período, o crescimento das exportações brasileiras foi de 11,2% e somaram US$ 35 bilhões. O governador Antonio Anastasia lembrou ainda que, também no setor agrícola, Minas Gerais gerou mais emprego que a média nacional. O aumento também foi expressivo nas exportações. Os produtos de maior destaque, segundo o levantamento do Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior foram café, celulose, açúcar e carnes.

“Temos que crescer ainda mais, gerar emprego de qualidade. Temos que agregar valor na cadeia produtiva dos alimentos. Não podemos exportar só produtos in natura”, completou. Ele lembrou que no ano passado participou da inauguração da fábrica de laticínios Barbosa & Marques em Governador Valadares. Projetada para produzir soro e leite em pó, a unidade recebeu R$ 10 milhões em financiamentos do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG). As informações são de assessoria de imprensa.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.